F. Melo mantém respeito no elenco, mas perde "peso" em volta ao Palmeiras

Danilo Lavieri e José Edgar de Matos

Do UOL, em São Paulo

  • Marcelo Machado de Melo/Estadão Conteúdo

    Situação de Felipe Melo segue indefinida no Palmeiras

    Situação de Felipe Melo segue indefinida no Palmeiras

A semana deve marcar o retorno de Felipe Melo aos treinos com o elenco do Palmeiras. Afastado há pouco mais de um mês por quebra de hierarquia, o volante retornará estritamente por questões jurídicas e terá bem menos peso no elenco.

É importante ressaltar que o meio-campista tem pouca – ou nenhuma – chance de ser aproveitado novamente. Cuca só topou o retorno do atleta por entender que um novo veto traria problemas na Justiça para seu clube.

O departamento jurídico orientou a diretoria a reintegrar o volante imediatamente após a notificação extrajudicial, feita no dia 10 de agosto. O combinado com o atleta, então, foi tentar uma transferência até o último dia da janela, fato que não aconteceu. Uma reunião nesta segunda deve bater o martelo sobre o futuro dele.

Se reintegrado ao elenco, Felipe volta com prestígio entre os atletas, mas sem ter tanto peso. Agora ele não terá a mesma força para causar problemas ao treinador caso não seja aproveitado.

O áudio vazado do atleta arranhou a imagem de profissionalismo de Felipe e dividiu até mesmo a torcida palmeirense. Não há uma unanimidade nas arquibancadas de que o atleta mereça uma nova chance.

Se antes ter o "Pitbull" no banco significaria um problema, hoje, isso já não causa mais problemas para Cuca. Pelo contrário.

Durante esse período sem Felipe, Cuca viu Thiago Santos ir bem, Bruno Henrique apresentar uma boa saída de bola e, o principal, conseguiu ter Moisés novamente entre os escalados. Até mesmo Tchê Tchê voltou a ser aproveitado no meio-campo como no passado e demonstrou boa evolução durante a semana de treinos.

Até o fim do ano, inclusive, o Palmeiras manterá o projeto de se livrar de Felipe Melo, mas agora de uma forma mais inteligente, sem causar tanto estardalhaço na imprensa. O jogador tem contrato até 2019 e mais de R$ 6 milhões só de luvas para receber até o término de seu vínculo.

O atleta ainda tem uma chance de seguir carreira no Palmeiras, desde que Cuca não continue no clube na próxima temporada.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos