Petros vê SP mais comprometido após pedido de Dorival: "Mudança de caráter"

José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo

  • Marcelo D Sants/Framephoto/Estadão Conteúdo

    O volante Petros, do São Paulo

    O volante Petros, do São Paulo

Em crise no Campeonato Brasileiro, o São Paulo tenta encontrar soluções para sair das últimas colocações na tabela de classificação. Uma questão recorrente nas críticas ao time é a falta de comprometimento de alguns jogadores. O volante Petros, no entanto, acredita que os atletas já estão conscientes de que é necessário se esforçar ainda mais para tirar o time desta situação. 

"A mudança que o Dorival [Júnior, técnico do Tricolor] pediu é que se o que fazemos até agora não foi suficiente, vai ter de melhorar. Um pouco mais de compromisso, atitude, sair da zona de conforto, abdicar de algumas coisas. É mudança de espírito, de cabeça. Se treina duas horas, tem de ter intensidade. Se conseguir mais de duas horas, tem de treinar. Mudança de caráter e atitude", disse Petros, que já viu os colegas de outra maneira nesta semana.

"Todos jogadores entenderam o que ele pediu e estão de acordo. Ser humano é complicado. Quando tudo vai bem, difícil aceitar a crítica. Mas quando vai mal, aceita de maneira mais simples. É uma situação muito complicada e incômoda. É a primeira vez que vivo isso. Não está cômodo para mim, minha família e todos. Então não vejo a hora de sair disso o mais rápido possível."

Depois da pausa no Campeonato Brasileiro por conta das Eliminatórias para a Copa do Mundo, o São Paulo volta a jogar nesta sábado (9), no Morumbi, contra Ponte Preta.

"Temos uma sequência boa em casa, confrontos diretos, tirando o Corinthians. A nossa política é de respeitarmos os adversários, mas pensamos primeiro na nossa situação, e temos de vencer porque não há alternativa", afirmou Petros.

Com a derrota no clássico com o Palmeiras, o São Paulo ocupa a penúltima colocação na tabela do Campeonato Brasileiro, com apenas 23 pontos conquistados em 22 partidas. Para piorar, a equipe completou dez rodadas na zona do rebaixamento do nacional.

"Quando um time está nessa situação, qualquer erro individual resulta em gol. Tem de minimizar isso mais rápido possível. Temos de parar de levar gols, porque estamos levando em todos os jogos."

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos