Reintegrado, Felipe Melo trabalha na academia e não se junta a companheiros

José Edgar de Matos

Do UOL, em São Paulo (SP)

  • Jales Valquer/Fotoarena/Estadão Conteúdo

    Felipe Melo treinou na academia, enquanto os outros jogadores trabalharam no gramado

    Felipe Melo treinou na academia, enquanto os outros jogadores trabalharam no gramado

Minutos depois de conversar com a imprensa novamente como membro ativo do elenco do Palmeiras, Felipe Melo trabalhou pela primeira vez desde a reintegração ao grupo de atletas, protocolada na manhã desta segunda-feira após conversa com o presidente Mauricio Galiotte. O "Ousado", no entanto, não se juntou aos outros jogadores e permaneceu na academia.

Afastado da rotina de trabalho com os outros jogadores durante o último mês, após conflitos com o técnico Cuca, Felipe Melo se encontra abaixo do nível físico dos companheiros, segundo informação divulgada pelo próprio Palmeiras.

O camisa 30 realizou um trabalho à parte, dentro das instalações do Centro de Excelência, enquanto o restante dos jogadores fez uma atividade física (um circuito) no gramado da Academia de Futebol.

Felipe Melo trabalhou depois de uma semana de folga, na qual viajou com a mulher, Roberta, para o Nordeste do país. O jogador concedeu entrevista antes da atividade e não manifestou qualquer pedido de desculpas ao técnico Cuca.

Mais tarde, no Twitter, Felipe Melo escreveu que pediu desculpas ao treinador, antes mesmo de ser afastado, no fim do mês de julho. O pedido de perdão citado pelo atleta ocorreu após a eliminação na Copa do Brasil para o Cruzeiro, em Belo Horizonte.

Durante a entrevista desta segunda, porém, Felipe Melo não emitiu um pedido público de desculpas ao treinador pelo áudio vazado dias depois do ocorrido no Mineirão. O volante chamou o treinador de "mau caráter" e detonou a postura de Cuca.

Agora reintegrado, Felipe Melo seguirá uma rotina de trabalho para recuperar-se fisicamente. O jogador, mesmo de volta ao grupo do Palmeiras, dificilmente receberá uma nova chance de Cuca. Tudo dependerá das lesões de concorrentes e do desenvolvimento desta reta final de temporada.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos