SP responde ex-auxiliar de Ceni e fala em "tentativa patética" e "obsessão"

Do UOL, em São Paulo (SP)

  • Érico Leonan/saopaulofc.net

    Beale, ao centro, acompanhou Ceni em sete meses no comando do São Paulo

    Beale, ao centro, acompanhou Ceni em sete meses no comando do São Paulo

O São Paulo pediu direito de resposta às declarações do ex-auxiliar do clube, o inglês Michael Beale, publicadas nesta sexta-feira pelo UOL Esporte. Na entrevista, o antigo parceiro de Rogério Ceni acusou amadorismo na gestão do Tricolor e fez duras críticas ao presidente Carlos Augusto de Barros e Silva. O departamento de comunicação são-paulino enviou nota oficial para rebater o posicionamento de Beale, cuja postura foi taxada de "patética" e "desprezível". Confira abaixo:

"A entrevista do senhor Michael Beale divulgada hoje pelo UOL revela sua tentativa patética de criar intrigas e ter fora do São Paulo uma relevância que, infelizmente, nunca teve dentro do clube que o acolheu.

Sua atitude é desprezível, não apenas pelo conteúdo infundado e rancoroso de suas palavras, mas também pela oportunidade em que surge, à véspera de um jogo importante do São Paulo.

Sua manifestação, reveladora de uma estranha obsessão, certamente está a serviço de interesses que não são os da comunidade são-paulina. 

da Comunicação".

Beale pediu demissão do São Paulo três dias antes de Ceni ser dispensado pela diretoria. Atualmente, aguarda detalhes para resolver os próximos passos de sua carreira, provavelmente na Inglaterra. O Tricolor, agora com Dorival Júnior, é o penúltimo colocado do Campeonato Brasileiro com somente 23 pontos.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos