Wenger diz que Mbappé pode ser "novo Pelé" e critica Neymar por ida ao PSG

Do UOL, em São Paulo

  • Charles Platiau/Reuters

O técnico do Arsenal, Arsene Wenger, rasgou elogios ao compatriota Kylian Mbappé, que estreou com a camisa do PSG na última sexta-feira. Para o treinador francês, o jovem atacante de 18 anos pode ser o "novo Pelé".

"Eu acho que ele é excepcionalmente inteligente e tem um caráter excepcional e uma confiança excepcional. Eu disse aos meus amigos: 'Mbappé é o novo Pelé'. Ele pode se tornar o melhor jogador do mundo, porque ele tem carisma, caráter e confiança. Você nunca acha que está falando com alguém de 18 anos quando conversa com ele. Ele sempre te dá a impressão de que algo especial pode acontecer quando pega a bola", afirmou em entrevista ao beIN Sports.

O jogador deixou o Monaco e assinou contrato de empréstimo por uma temporada com o PSG, que deve comprá-lo em definitivo ao final deste primeiro vínculo por 180 milhões de euros (R$ 668,7 milhões). Na equipe da capital francesa, Mbappé se juntou a Neymar, outro recém-chegado ao time. Porém, a transferência de 222 milhões de euros (R$ 821,6 milhões) do brasileiro não foi muito bem vista por Wenger.

"Neymar nunca expressou exatamente os motivos da saída (do Barcelona) no seu comunicado, porque os jogadores sempre têm um grande desejo de jogar com os melhores. Ele decidiu pelo outro lado por motivos financeiros, ou por motivos de que ele pense que o PSG é o clube do amanhã e irá superar Real Madrid e Barcelona, ou por motivos pessoais. Talvez ele queira se tornar o jogador que é o centro do time e ser reconhecido como o melhor jogador do mundo", disse o técnico do Arsenal.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos