Goleiro perde memória após pancada e esquece até nome dos companheiros

Marcello De Vico

Do UOL, em Santos (SP)

  • TV Clube/Reprodução

    Súmula do jogo entre 4 de Julho e River-PI, pela Copa Piauí

    Súmula do jogo entre 4 de Julho e River-PI, pela Copa Piauí

O goleiro Tom, do 4 de Julho-PI, passou por apuros no jogo do último sábado (9), contra o River-PI, válido pela Copa Piauí. Em uma dividida dentro da área, ele levou a pior, foi atingindo na cabeça pela perna do próprio companheiro e acabou perdendo a memória.

Tom foi atendido por quase dez minutos e, inicialmente, tentou voltar a jogar. Mas assim que a partida foi reiniciada, ele desabou no chão e ficou por mais um bom tempo sendo atendido, até enfim ser substituído e encaminhado a um hospital para ficar em observação.

Em entrevista ao UOL Esporte, Tom conta que, durante o atendimento, chegou até a esquecer o nome dos próprios companheiros de equipe.

"Lembro que estava no chão e o doutor [médico Vinícius Amado] estava perguntando algumas coisas, mas não me recordo muito. Lembro também que me abaixei perto da trave e tentei lembrar os nomes dos meus companheiros, e não consegui. Aí desabei no chão", conta.

"Só fui voltar a lembrar das coisas muito tempo depois, dentro da ambulância. Foi uma sensação horrível", acrescenta o goleiro, que teve seu episódio descrito pelo árbitro na súmula (veja mais abaixo).

Tom ficou em observação no hospital, passou por alguns exames e já voltou aos trabalhos, inclusive tendo participado normalmente do treino do 4 de Julho na última segunda-feira (11).

Na liderança da Copa Piauí com oito pontos em quatro jogos, o 4 de Julho volta a campo no próximo domingo (17) para encarar o Parnahyba. No jogo em que Tom se machucou, o time, mesmo sem o goleiro titular, bateu River-PI por 4 a 2.

Reprodução/Federação Piauiense de Futebol

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos