Cuca promove gincana, diverte atletas e vê até Borja dar carrinho

Danilo Lavieri

Do UOL, em São Paulo

Cuca promoveu uma espécie de gincana entre seus jogadores no treino desta quarta-feira (20). Dividido entre dois times, os atletas do Palmeiras disputaram um animado desafio de habilidades para passar, driblar, chutar e outros fundamentos do futebol.  

Aproveitando-se da semana livre, com jogo marcado apenas para domingo, contra o Fluminense, o treinador priorizou a atividade diferente que nitidamente entreteve o grupo de atletas. Várias delas são familiares para os "gamers" e estão presentes no modo treinamento dos jogos de futebol de videogame.

A atividade durou 2h30 e ainda teve a aposta que valiam o pagamento de uma cesta básica. Fabiano foi o artilheiro geral com oito gols. 

Os times foram divididos da seguinte forma: Guerra, Antônio Carlos,  Thiago Santos, Zé Roberto, Keno, Tchê Tchê, Hyoran, Luan e Bruno Henrique jogavam sem coletes; Roger Guedes, Fabiano, Willian, Borja, Erik, Egídio, Mayke, Raphael Veiga, Felipe Melo e Pedrão estavam de colete.

Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cuca e Keno se divertem durante treinamento no Palmeiras

A vontade de ganhar era nítida em ambas as equipes. Zé Roberto, no auge dos 42 anos, comemorava cada vitória de sua equipe como se fosse um jovem que participava da atividade pela primeira vez.

Thiago Santos, um dos mais provocadores, brincava com os rivais a cada vez que sua equipe saía vencedora de uma etapa. Era comum ver Roger Guedes reclamando de Cuca, Cuquinha e Alberto Valentim, os "juízes" das provas.

Borja também mostrou vontade de vencer. O colombiano chegou até a dar carrinho (no minuto 1:11 do vídeo acima) em uma das atividades que consistia em apostar corrida, tocar primeiro na bola e, em seguida, acertar um alvo com um passe. O atacante ainda comemorava feito um torcedor na arquibancada a cada vez que um companheiro de time acertava o gol.

Outras atividades colocavam uma dupla para competir e ver quem chegava primeiro no fim de um circuito de cones carregando a bola. Em outra, os atletas precisavam trocar passes aéreos só usando a cabeça.

Houve também a competição de finalização com os mais variados tipos de passe. Com ela quicando, ela no chão e em outra que forçava o atleta a finalizar com as duas pernas. No fim, Cuca ainda comandou um rachão.

Dudu, Jean, Moisés, Edu Dracena e Deyverson não participaram das atividades. Os quatro primeiros fizeram trabalhos de reforço muscular, enquanto que o quarto foi dispensado por problemas particulares. Eles não preocupam para o jogo de domingo, contra o Fluminense, às 16h, no Maracanã.

Jailson fez parte do treino, mas também parou mais cedo seguindo cronograma especial de treinos para se recuperar de uma lesão na região do quadril. Michel Bastos, cuidando de uma erisipela, e Mina, que ainda se recupera de uma operação, também não foram a campo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos