Manchester United gastou R$ 1,1 bilhão só com salários na última temporada

Do UOL, em São Paulo

  • Odd Andersen/AFP

    José Mourinho, técnico do United, beija troféu da Liga Europa, vencida em 2016/2017

    José Mourinho, técnico do United, beija troféu da Liga Europa, vencida em 2016/2017

Nesta quinta-feira (21), o Manchester United divulgou seu balanço da temporada 2016/2017. Em ano de receita recorde, o clube gastou 263,5 milhões de libras (cerca de R$ 1,1 bilhão) só de salários para o departamento de futebol, o que representa acréscimo de 13,5% em relação à campanha anterior.

Durante a temporada, o United registrou receita de 581 milhões de libras (cerca de R$ 2,5 bilhões), recorde na história do clube. O lucro anunciado pelo clube foi de 39,2 milhões de libras (cerca de R$ 166,3 milhões), semelhante ao apresentado no último balanço.

"Concluímos uma temporada 2016/2017 de sucesso com três troféus e o retorno para a Liga dos Campeões. O ano viu a gente bater recorde de receitas", disse Ed Woodward, vice-presidente executivo do United.

O recorde pode ser batido novamente na temporada 2017/2018. No balanço, o United anunciou que espera receitas entre 575 e 585 milhões de libras (entre R$ 2,4 e 2,5 bilhões).

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos