Muricy vê São Paulo favorito e Militão titular em clássico com Corinthians

José Eduardo Martins e Vanderlei Lima

Do UOL, em São Paulo

  • Rubens Cavallari/Folhapress

    Muricy acredita que Militão deverá ser mantido entre os titulares do São Paulo

    Muricy acredita que Militão deverá ser mantido entre os titulares do São Paulo

Mesmo sem ocupar um cargo no São Paulo, Muricy Ramalho voltou a ser assunto no Morumbi. O ex-treinador e hoje comentarista de televisão foi sondado para assumir o posto de coordenador técnico. Sem entrar em acordo até por conta de seu contrato com o canal fechado SporTV, ele recebeu então o chamado para ser uma espécie de consultor informal do Tricolor. Em conversa com o UOL Esporte, o tricampeão brasileiro pelo Tricolor mostrou confiança no trabalho de Dorival Júnior e viu a evolução na performance do time com a entrada de Militão na lateral direita.

"Acho que o Júnior está há pouco tempo, está conhecendo os jogadores, a verdade é essa. Agora ele achou a maneira de jogar que deu certo. E aí, é claro, vai do treinador de manter isso. E aí, é apenas um palpite, eu acho que ele vai manter [a escalação com o Militão improvisado na lateral direita], porque o time neste sentido foi muito bem", disse o ex-treinador.

Apesar de o Corinthians ser o líder do Campeonato Brasileiro e de o São Paulo, na luta para sair da zona do rebaixamento, ocupar apenas a 17ª posição, Muricy vê o Tricolor com ligeira vantagem no jogo deste domingo, no Morumbi. Na última rodada, as duas equipes ganharam - os alvinegros superaram o Vasco por 1 a 0 e os tricolores derrotaram o Vitória por 2 a 1.

"Clássico é sempre equilibrado, mas acho que pelo mando de campo e por ter vindo de uma vitória muito importante, o São Paulo tem um pouco mais de favoritismo. Mas é uma porcentagem muito pequena", afirmou Muricy.

Confira abaixo os principais trechos da conversa com o ex-treinador:

São Paulo se livra da zona do rebaixamento?

Acho que sim. Não é só palpite, mas é que se você olhar com carinho, o elenco não é para estar nessa situação, tem bons jogadores em todos os setores, jogadores de seleção, e também conta com o apoio da torcida, que ajuda muito. Então, é quase certeza de que o São Paulo não cai. 

Opinar sobre o São Paulo

Para mim é difícil opinar assim, porque sou amigo do Júnior. Ele que é o treinador, está lá no momento e conhece os jogadores muito mais do que eu.

Militão, Bruno ou Buffarini?

Acho que é o esquema de jogo que o Júnior escolheu, ou seja, para segurar um pouco pelo outro lado e soltar o lateral esquerdo como fez bastante na Bahia. Então, isso é o esquema tático do jogo e o Militão já está acostumado a fazer isso também, já atuou assim na base. É um zagueiro/lateral, que tem técnica, não é bruto, ganha muito na bola alta também, tanto atrás como na frente. Então, isso que o Júnior fez é taticamente. Não é problema de um jogador ou outro de improvisar, o problema é que o time estava precisando um pouco mais disso. Ou seja, quando atacava, ficava mais protegido. Ele fez muito bem com o Militão. Vai dele agora do que achar que é o melhor para o grupo.

Atrapalha jogar longe do Morumbi

Não sei se vai atrapalhar, mas o Morumbi é a casa do São Paulo. Jogadores e torcedores estão acostumados. O público fica mais apertado no Pacaembu, mas é em São Paulo. Em termos de público não vai influenciar tanto, porque o Pacaembu é bem centralizado. Lógico, é um pouco menor, mas em termos de futebol, é claro que seria muito melhor o Morumbi. Mas não influencia muito. O que influencia é o Júnior conhecer um pouco melhor os jogadores e fazer um bom time. Os jogadores estão acostumados também a jogar no Pacaembu.

Nota da redação: por conta dos shows do U2 e de Bruno Mars, o São Paulo vai mandar cinco partidas no Pacaembu nesta reta final do Campeonato Brasileiro. 

Hora da volta por cima

Então, esse jogo vem na hora certa. O São Paulo precisa de um jogo como esse para ganhar e embalar na competição. Vejo por esse lado, a oportunidade é muito boa para o São Paulo sair dessa situação.

Peso de encarar um arquirrival

É um clássico, se você vence um clássico, o moral vai lá em cima. Claro que o Corinthians pensa igual e está na primeira colocação. Todos pensam assim e sabem que o clássico é um momento especial que pode mudar o campeonato. Então, o São Paulo está pensando assim. É o certo. Para o São Paulo é muito mais importante, porque o time pode sair de uma zona perigosa e o Corinthians já está praticamente com o título na mão. Para o São Paulo, é uma decisão importante.

Vitória fora de casa

Foi importantíssima essa vitória, ainda mais ganhar fora de casa, era um momento importante demais. Os jogadores estavam preocupados com isso, estavam trabalhando muito duro para conseguir isso. E o Dorival também estava brigando muito para conseguir. Agora vem no embalo, é questão de duas partidas para o São Paulo ganhar e ir lá em cima. Então, esse é um jogo que vai fazer a diferença total para o time.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos