Sem proposta oficial, CBF segue sem parceira de TV para seleção até 2022

Do UOL, em São Paulo

  • Sergio Moraes/Reuters

A CBF anunciou que não alcançou acordo em seu processo de licitação para comercializar direitos de transmissão da seleção brasileira em televisão aberta.

A concorrência é válida para os jogos de novembro de 2017 a dezembro de 2022, mas segue aberta. A Rede Globo é favorita a ficar com essa propriedade, mas por ora alcançou acerto somente em outro pacote de comercialização. 

Por meio de nota oficial, a entidade afirmou que nenhuma oferta oficial no que diz respeito à televisão aberta atendeu os parâmetros definidos em edital, o que poderá levar a um novo processo de licitação. 

Ainda em nota, a CBF anunciou que o Grupo Globo adquiriu os direitos de transmissão de jogos da seleção brasileira de novembro de 2017 a dezembro de 2022 para as plataformas digitais. O acordo não inclui exclusividade. 

Confira a nota oficial emitida pela CBF:

A CBF tem satisfação em anunciar que concluiu hoje o processo de concorrência para venda dos direitos relativos às partidas da Seleção Brasileira no mercado nacional, pelo período de novembro de 2017 a Dezembro de 2022 (Amistosos e Eliminatórias).

O Grupo Globo foi o vencedor do Pacote B, correspondente aos direitos de transmissão, sem exclusividade, em plataformas digitais, tendo superado de maneira significativa o valor mínimo estipulado.

Quanto ao Pacote A, referente à transmissão em TV (exclusivo) e em plataformas digitais (não exclusivo), a CBF recebeu manifestações de interesse de múltiplas empresas, sem propostas oficiais nos termos do edital publicado.

Deste modo, a CBF agora avaliará as várias opções para comercialização do conteúdo integrante do Pacote A, podendo, inclusive, ser formatado um novo processo de concorrência em breve.

– Estamos felizes em anunciar este valioso acordo com o Grupo Globo acerca dos direitos digitais, não exclusivos, das partidas da Seleção. Sem dúvida alguma, o Grupo Globo conta com enorme audiência nestas mídias e assegurará máxima exposição à Seleção. Estamos igualmente orgulhosos em ter assumido o pioneirismo e concluído todo este exemplar e transparente processo de concorrência – disse Marco Polo Del Nero, Presidente da CBF.

– A Seleção Brasileira é uma das mais icônicas e autênticas equipes do mundo esportivo e estamos seguros que o Grupo Globo produzirá uma excelente cobertura em suas plataformas digitais para todos os brasileiros – confirmou Patrick Murphy, Diretor Executivo da Synergy Football AG.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos