Topo

Futebol


D'Alessandro dá entrada em documentos para conseguir dupla cidadania

Ricardo Duarte/Inter
D'Alessandro entrou com processo de dupla cidadania para ser também brasileiro Imagem: Ricardo Duarte/Inter

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

22/09/2017 18h54

D'Alessandro quer ser brasileiro. O argentino de 36 anos deu entrada na documentação para obter dupla cidadania por iniciativa pessoal e aguarda o trâmite burocrático. 

O armador do Inter tem ligação forte com o país. Defende o clube há nove anos e em 2015 ocorreu o nascimento de seu filho, Gonzalo, em Porto Alegre. "Ele é gaúcho", brinca repetidamente o jogador em coletivas. 

Além disso, D'Ale está perto de entrar para a lista de 10 jogadores com maior número de partidas disputadas pelo Colorado. E realiza anualmente seu evento beneficente na capital gaúcha, o Lance de Craque, que reúne jogadores e ex-jogadores para uma partida amistosa cuja renda é doada para instituições carentes. 

O processo de dupla cidadania não tem relação com a possibilidade do Inter ter mais um estrangeiro em campo nos jogos oficiais. Até porque a dupla cidadania não desconsidera a primeira. Ou seja, não teria efeitos práticos. D'Alessandro também possui passaporte europeu, feito na época em que atuou na Espanha. 

Em contato com a reportagem do UOL Esporte, a assessoria de comunicação do jogador confirmou que ele está entrando com processo de dupla cidadania. 

Mais Futebol