Botafogo já tem time base para 2018, mas precisará de contratações pontuais

Bernardo Gentile

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Satiro Sodre/Divulgação

    Botafogo tem contrato longo com principais destaques e deverá manter base do time para 2018

    Botafogo tem contrato longo com principais destaques e deverá manter base do time para 2018

A temporada do Botafogo foi surpreendente dentro de campo e promete ser também fora dele. Acostumado a reformular o elenco no fim de cada ano, o clube poderá viver uma nova realidade desta vez. Escaldado, o Alvinegro já renovou com a maioria dos destaques da equipe que tinham contrato acabando em dezembro. As exceções, até o momento, são Roger e Airton, que conversam com a diretoria.

Conforme o UOL Esporte revelou na última terça, o Botafogo vive situação diferente no gol. Jefferson e Gatito Fernandez têm contrato até o fim de 2018, mas um deles deverá sair. Os dois são considerados titulares e não aceitarão ficar no banco de reservas na próxima temporada. O brasileiro está próximo da aposentadoria, enquanto o paraguaio pode até mesmo disputar uma Copa do Mundo.

As laterais vivem situação oposta. Enquanto o lado direito está resolvido com Luis Ricardo e Arnaldo, o esquerdo vive momento de indecisão. Victor Luis pertence ao Palmeiras, que já avisou que quer a volta do jogador. O reserva imediato é Gilson, que também tem contrato acabando. O Botafogo conta com o atleta e deverá trazer um outro nome para disputar a posição.

O Alvinegro também vive situação tranquila na zaga. Joel Carli, Igor Rabello e Marcelo têm contratos longos e seguirão no clube. Emerson Silva tem vínculo até dezembro e ainda não há a certeza do futuro do jogador. O fato é que defensores das categorias de base ganharão mais oportunidade em 2018. Kanu é o mais cotado.

No meio de campo, há claramente uma base montada. Rodrigo Lindoso, João Paulo, Bruno Silva e Matheus Fernandes renovaram ou já tinham contratos longos - mesma situação dos armadores Léo Valência e Marcus Vinícius. A posição, porém, deve receber atenção especial no mercado da bola.

Rodrigo Pimpão lidera a manutenção do ataque. Por outro lado, Roger ainda não foi procurado pela diretoria. Ele é o artilheiro do Botafogo na temporada e já anotou dez vezes no Brasileiro. Os dirigentes tentarão a renovação, mas não descartam trazer outro nome para disputar posição. O Alvinegro ainda tentará novo empréstimo de Guilherme, mas ele pode acabar voltando para os gaúchos.

O quadro poderá mudar, porém, com o assédio de clubes do exterior na abertura da janela no fim do ano. Em situação financeira delicada, a venda de atletas da base é vista como importante para o Botafogo balancear os cofres.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos