Após derrota para o Grêmio, Flu desembarca sob protesto de torcedores

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Reprodução/Instagram/@maurocezar000

    Torcedores do Fluminense protestam em aeroporto e discutem com Henrique e Abel Braga

    Torcedores do Fluminense protestam em aeroporto e discutem com Henrique e Abel Braga

Cerca de 20 integrantes de uma facção do fluminense foram até o aeroporto Santos Dumont e protestaram após a derrota por 1 a 0 para o Grêmio.

Os alvos maiores foram o volante Wendel, que viu brecada sua ida para o PSG, e o presidente Pedro Abad. O dirigente parou para falar com alguns torcedores e pediu que eles ajudem na arquibancada.

O técnico Abel Braga também tentou esfriar os ânimos do grupo, que chamou o time tricolor de "sem vergonha". O zagueiro Henrique também foi abordado e parou para dialogar com os membros da organizada.

Após o confronto diante do Tricolor gaúcho, o Flu tem um longo tempo de treino até o dia 12 de outubro, dia do Fla-Flu válido pelo Campeonato Brasileiro. O time não vence há cinco rodadas na competição.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos