Rodrigo Caio deixa o treino com dores no tornozelo, mas não preocupa o SP

José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo

  • Érico Leonan/saopaulofc.net

    Rodrigo Caio sentiu dores no tornozelo, mas não deve desfalcar o São Paulo contra o Atlético-MG

    Rodrigo Caio sentiu dores no tornozelo, mas não deve desfalcar o São Paulo contra o Atlético-MG

A reapresentação do São Paulo foi movimentada nesta quarta-feira (4), no CT da Barra Funda. No fim da atividade, Rodrigo Caio reclamou de dores no tornozelo direito. O jogador deixou o gramado mais cedo depois de lance em que deu um carrinho em Lucas Pratto. O departamento médico do clube, no entanto, não se mostrou preocupado com uma possível lesão e o defensor deve ser avaliado nesta quinta.

A atividade desta quarta-feira também foi marcado pela passagem do presidente da república, Michel Temer, pelo CT tricolor. O político utilizou um dos campos do clube para pousar o seu helicóptero antes de ir a um evento na região norte da capital paulista.

Depois da vitória sobre o Sport, no domingo (1), o São Paulo deixou a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Antes, porém, a equipe havia quebrado o recorde negativo de 13 rodadas entre os quatro últimos colocados na classificação geral.

Com a pausa para as Eliminatórias para a Copa do Mundo, o São Paulo só volta a jogar na quarta-feira, em Belo Horizonte, contra o Atlético-MG. Até o momento, apenas os atacantes Morato e Wellington Nem, que se recuperam de cirurgia no joelho, estão vetados pelo departamento médico.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos