Sheik vê Ponte diferente com Baptista e diz que time ficará na elite

Do UOL, em São Paulo

  • Marcello Zambrana/AGIF

Emerson Sheik acredita não ser justo a posição que a Ponte Preta está na tabela. O atacante ressaltou que a chegada do técnico Eduardo Baptista ao clube de Campinas ajudou bastante a equipe. 

"A chegada do Eduardo ajudou bastante. E agora é dar sequencia, porque temos três grandes desafios pela frente: Cruzeiro, Santos e Palmeiras. Esse é o Campeonato Brasileiro, sem moleza, cada rodada é uma batalha. Mas eu acredito que no fim da temporada, a Ponte vai se sair bem e permanecer na elite", comentou o jogador em entrevista ao Fox Sports. 

Sheik ainda comentou sobre a posição da equipe na tabela. A Ponte Preta ocupa a 15ª colocação na tabela com 31 pontos, apenas um acima da zona de rebaixamento. 

"O início da temporada foi interessante para a Ponte, com um Paulista de qualidade, um time competitivo. Vi quase todos os jogos e já no Paulista começamos um namoro para o Brasileiro. Sonhando com uma Libertadores, título da Sul-Americana. Eu abracei essa ideia, esse desafio. Mas nós sabemos que as coisas não acontecem da maneira que planejamos. mas agora tem um desafio. Acima de tudo sem a certeza que a Ponte não merece estar onde se encontra no momento, por ser maior do interior ou 5ª potência de São Paulo. O lugar da Ponte é na Série A", disse. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos