Maycon lamenta suspensão de Gabriel e explica como não leva cartões

Do UOL, em São Paulo (SP)

  • Daniel Vorley/AGIF

    Maycon tem 26 jogos no Brasileirão e não levou nenhum cartão amarelo

    Maycon tem 26 jogos no Brasileirão e não levou nenhum cartão amarelo

A semana começou para o Corinthians com a notícia de que o volante Gabriel foi punido pelo gesto obsceno feito à torcida do São Paulo, no clássico do último dia 24 de setembro. O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) aplicou a pena mínima de dois jogos de suspensão para o camisa 5, que perderá os embates contra Coritiba e Bahia, pelo Campeonato Brasileiro. E a baixa deixou o parceiro do marcador chateado.

"É uma perda grande, um jogador entrosado com o time. O sistema está muito bem encaixado com o pessoal da defesa", lamentou Maycon, que já aproveitou para elogiar aquela que deve ser a opção do técnico Fábio Carille para substituir o volante suspenso: "o Camacho está junto com a gente e tem outros jogadores. Vamos tentar fazer da melhor forma esses jogos em que ele ficará de fora".

Sem Gabriel à frente da defesa, a disciplina de Maycon será colocada à prova. O meio-campista atuou nas 26 rodadas do Brasileirão até o momento e não recebeu nenhum cartão amarelo, tudo graças à solidez do sistema defensivo corintiano. "Isso se deve à nossa equipe ser bem postada, bem organizada. Eu tenho uma leitura boa e a linha defensiva bem montada facilita para mim. Que continue assim", exaltou.

Nesta quinta-feira, no segundo dos sete treinos antes do confronto com o Coritiba na próxima semana, Carille escalou Camacho e Maycon lado a lado na equipe titular. Durante a atividade no CT Joaquim Grava, porém, o técnico realizou teste para deixar o time mais ofensivo, lançando Clayson na vaga de Maycon e recuando Rodriguinho. Marquinhos Gabriel e Jadson completaram o meio de campo.

"É algo que o Fábio testa para ver se encaixa uma forma de surpreender o adversário. São testes e o tempo sem jogos serve para isso. É opção para ver jogadores diferentes, uma dobra, alterações, esquemas, ver como alguns jogadores funcionam... Vamos precisar muito do nosso banco nessa reta final, porque tem cansaço, pode ter lesão e isso vai nos ajudar", explicou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos