Neymar finaliza 9 vezes, mas goleiro boliviano é que vira herói na altitude

Dassler Marques

Do UOL, em La Paz (Bolívia)

Depois de passar em branco nos duelos contra Equador e Colômbia no mês passado, Neymar se esforçou para tentar ir às redes diante da Bolívia, mas não teve êxito mais uma vez nesta quinta-feira (5). Sem marcar, o Brasil ficou no 0 a 0 no Estádio Hernando Siles, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo.

O camisa 10 brasileiro foi o nome mais ativo do time brasileiro e, "fominha", finalizou 9 das 18 vezes do time na partida. Não conseguiu passar por Carlos Lampe, goleiro boliviano que realizou grandes intervenções. Na ocasião mais clara que Neymar teve, o zagueiro Valverde ainda salvou em cima da linha.

Lampe deixou o duelo como herói por evitar a derrota da Bolívia contra um Brasil amplamente superior. O goleiro, que atua no Huachipato-CHI, realizou um total de 13 intervenções no confronto desta quinta. Ele recebeu uma camisa de presente do atacante brasileiro

Com 52 gols, Neymar é atualmente o quarto maior goleador da história da seleção, com apenas 25 anos, e tenta alcançar Romário, o terceiro lugar na lista, com 55. O topo desse ranking tem Pelé com 77 gols e Ronaldo com 62.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos