Tchê Tchê confia em arrancada do Palmeiras: "Vencer 12 jogos é possível"

Leandro Miranda

Do UOL, em São Paulo

  • Cesar Greco/Ag. Palmeiras

    Tchê Tchê disse que Palmeiras "não pode jogar a toalha" no Brasileiro

    Tchê Tchê disse que Palmeiras "não pode jogar a toalha" no Brasileiro

O meio-campista Tchê Tchê não quer abrir mão da disputa pelo título do Campeonato Brasileiro, mesmo com o Palmeiras 12 pontos atrás do líder Corinthians e faltando o mesmo número de rodadas para acabar a competição. Nesta sexta-feira (6), em entrevista na Academia de Futebol, o camisa 8 afirmou que acredita na possibilidade de vencer todos os jogos até o final do ano.

"Sim, é possível. O impossível só é impossível até você torná-lo possível. Nós temos que acreditar. Estamos todos juntos, vamos buscar jogo a jogo. Temos metas estipuladas", disse o jogador.

"É difícil. Claro que tivemos um resultado que não era esperado (derrota por 1 a 0 para o Santos, no Allianz Parque, na última rodada), mas clássico é complicado. Não tirando o mérito deles, mas achamos o Palmeiras que a torcida quer ver e temos que seguir nessa linha. Não vamos jogar a toalha", completou.

O volante também foi perguntado sobre uma possível saída do técnico Cuca para 2018. Sem responder diretamente, ele deu a entender que prefere a permanência do treinador.

"Não tenho que falar sobre isso, mas é claro que, quando se inicia o ano com um treinador e ele tem uma sequência necessária, as coisas andam melhor. Espero que as coisas possam ser bem direcionadas, que a gente volte a ter os resultados que a gente espera", disse.

Para começar a correr atrás do objetivo traçado por Tchê Tchê, o Palmeiras terá que esperar. Com o campeonato parado pela data-Fifa, o time alviverde só volta a campo pelo Brasileirão na próxima quinta (12), contra o Bahia, no Pacaembu.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos