Perto da Copa, Peru ganha festa da torcida e visita do presidente

Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução/Twitter

A seleção do Peru ganhou uma grande festa da torcida e recebeu a visita até do presidente do país na volta para casa depois do empate por 0 a 0 com a Argentina em Buenos Aires. O resultado deixou a equipe de Ricardo Gareca perto de disputar uma Copa do Mundo depois de 36 anos.

A delegação desembarcou no Aeroporto Internacional Jorge Chávez, na capital Lima, no início da noite desta sexta-feira e foi festejada por "milhares de pessoas", segundo relata a imprensa local.

Vestidos com as camisas da seleção e munidos de bandeiras, os torcedores ovacionaram os jogadores, soltaram o tradicional grito de "sí, se puede" e cantaram o hino nacional à capela "em um dos momentos mais emocionantes" da recepção, de acordo com a rede RPP.

Os peruanos ainda "escoltaram" o ônibus no início do trajeto que levou o grupo do aeroporto até a concentração enquanto os jogadores acenavam pelas janelas para agradecer o carinho.

E a recepção festiva não parou por aí. O presidente peruano, Pedro Paulo Kuczynski, fez questão de visitar o elenco na concentração no Swiss Hotel de San Isidro. Acompanhado da primeira-dama, Nancy Lange, o mandatário cumprimentou jogador por jogador e os felicitou pela ótima campanha nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018.

Segundo a RPP, Kuczynski já está cogitando realizar uma cerimônia de condecoração ao grupo caso a seleção confirme a classificação ao Mundial no duelo da próxima terça-feira, contra a Colômbia, no Estádio Nacional de Lima.

O empate na Argentina deixou os peruanos na quinta colocação, com 25 pontos, o que daria uma vaga na repescagem. Uma vitória na terça, porém, é suficiente para garantir a vaga direta do país sem a necessidade de outros resultados, já que os colombianos estão logo à frente na tabela, com 26.

Pesquisa promovida pelo instituto Datum Internacional depois do 0 a 0 em Buenos Aires mostrou que 68% dos peruanos acreditam que o selecionado local vai à Rússia, enquanto 19% creem que não e 13% não souberam ou não opinaram.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos