Se jogar a repescagem, Argentina pode prejudicar o Barcelona

Do UOL, em São Paulo

  • Victor R. Caivano - 5.set.2017/Associated Press

    Lionel Messi no joga da Argentina contra a Venezuela em setembro

    Lionel Messi no joga da Argentina contra a Venezuela em setembro

A novela que a Argentina está vivendo para obter a vaga na Copa do Mundo da Rússia-2018 pode prejudicar um outro personagem, inesperado em toda a trama: o Barcelona.

Caso os sul-americanos terminem as eliminatórias em 5º e tenham que jogar a repescagem contra a Nova Zelândia, o atacante Lionel Messi e o volante Javier Mascherano provavelmente desfalcarão a equipe catalã no dia da disputa.

A primeira partida do duelo, que tem jogos de ida e volta, entre o quinto colocado sul-americano e o vencedor do torneio classificatório da Oceania será em 6 de novembro, na Nova Zelândia. A data é um dia após o término da 11ª rodada do Campeonato Espanhol, quando o Barcelona enfrentará o Sevilla no 5 de novembro.

A distância que a seleção argentina deverá cumprir impedirá Messi e Mascherano que joguem pelo clube catalão num dia e pelo país no outro. Devido ao fuso horário e ao trajeto que terão de percorrer para outro continente, os sul-americanos precisarão chegar com alguns com alguns dias de antecedência para disputar a repescagem.

O Barcelona, porém, não deverá ser o único prejudicado, neste caso. Há grande chance que seu adversário na ocasião, o Sevilla, tenha os desfalques de Éver Banega e Gabriel Mercado, que têm figurado nas convocações de Jorge Sampaoli.

Na seleção da Nova Zelândia, não há jogadores que jogam em clubes europeus ou nos da América do Sul.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos