Valdivia planeja processar Palmeiras por R$ 1,5 mi em comissões não pagas

Danilo Lavieri

Do UOL, em São Paulo

  • Leonardo Benassatto/Reuters

    Valdivia reencontra Allianz Parque nesta terça-feira em jogo contra o Brasil

    Valdivia reencontra Allianz Parque nesta terça-feira em jogo contra o Brasil

Valdivia avisou o Palmeiras que pretende acionar o clube na Justiça. O chileno cobra uma comissão que foi acertada em seu retorno ao Palestra Itália em 2010, e diz ter direito a receber quase R$ 1,5 milhão de um total acertado inicialmente em R$ 1.840,00.

A notificação judicial foi enviada pela empresa do atleta e assinada pelo advogado Carlos Henrique de Oliveira Pereira, há três semanas, no dia 18 de setembro. O Palmeiras contesta o pagamento da comissão e diz que o atleta pediu o valor depois de já ter acertado um pré-acordo.

Na ocasião, o clube anunciou o acerto com Valdivia antes de ter o contrato assinado. Ao perceber o erro, o jogador aproveitou a pressão do anúncio precoce para exigir mais dinheiro. O atleta e sua defesa foram procurados pela reportagem, mas ainda não se pronunciaram.

É importante destacar que, na época, o retorno do atleta era unanimidade entre os torcedores por causa do seu bom desempenho na primeira passagem, até 2008. Não à toa, o clube fez empréstimos bancários com juros altos que só foram pagos ainda neste semestre.

Recentemente, Valdivia deu um primeiro passo para conseguir o valor. Ele entrou na Justiça cobrando apenas uma parcela das comissões e venceu. Com a primeira vitória, é provável que a defesa do atleta use a mesma tese para ter êxito ao receber o restante.

Curiosamente, em meio a essa briga judicial, o meia reencontra o Allianz Parque, nesta terça, depois de mais de dois anos. Há uma expectativa de festa para seu retorno ao palco palmeirense na última rodada das Eliminatórias. O Chile precisa vencer o Brasil para não depender de nenhum resultado e carimbar a vaga na Copa do Mundo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos