De camarão a cerveja: o menu 'MasterChef' no luxo dos clubes do Inglês

Caio Carrieri

Colaboração para o UOL, em Manchester (ING)

  • Caio Carrieri/Colaboração para o UOL

A culinária inglesa nunca esteve entre as mais estreladas do mundo. Na Premier League, campeonato nacional mais badalado do planeta, alguns clubes fogem à tradição local. Entre os grandes times há verdadeiros banquetes na área de imprensa, com fartura de dar água na boca dos profissionais responsáveis por transmitir informações a milhões de torcedores que assistem aos jogos em mais de 220 países.

Se os aficionados locais costumam ter lanches, tortas típicas da Inglaterra e outras opções nem tão saudáveis à disposição para compra nos palcos do Campeonato Inglês, o serviço gratuito para a imprensa chama a atenção, sobretudo pelo contraste com os estádios brasileiros, dada a variedade nos itens gastronômicos que incluem desde buffet de saladas, camarão e até cerveja em alguns casos.

"Já fui a praticamente todos os estádios da Premier League e, sem dúvida alguma, há três destaques em relação à comida que servem: Arsenal, Manchester City e Chelsea", aponta ao UOL Esporte João Castelo-Branco, correspondente da ESPN Brasil na Inglaterra e com 15 anos de cobertura esportiva no país.  "Neles, a comida é boa mesmo, de restaurante. O City e o Arsenal liberam cerveja depois do jogo, só que como nunca consigo aproveitar essa parte, por trabalhar até tarde e acabar quando está tudo fechado, aponto o Chelsea como o melhor nesse quesito, disparado, pela qualidade e variedade da comida".

No Stamford Bridge, casa dos atuais campeões da Premier League, a abundância passa por salmão, queijos, presunto cru, pratos vegetarianos. "Chega a ser um exagero", acrescenta Castelo-Branco. "O (russo dono do clube, Roman) Abramovic deve botar uma boa grana nesse buffet para a imprensa".

Em partidas de Liga dos Campeões, para agradar os jornalistas do time visitante, o Chelsea também serve pratos de comidas típicas ou pelo menos inspiradas no país do adversário.

Outra a se render ao lado azul de Londres é Natalie Gedra, também repórter da ESPN Brasil e com quem João divide a responsabilidade de passar para os telespectadores brasileiros as emoções da Premier League, já que a emissora americana detém exclusividade nos direitos de transmissão em território verde e amarelo. "Apesar do Arsenal ter um buffet muito gostoso, prefiro o do Chelsea. Primeiro porque as saladas e os antepastos são muito bons. Eles mudam, mas nunca está mais ou menos. As sobremesas são sempre ótimas, e isso para mim conta muito (risos)".

Caio Carrieri/UOL

Embora seja o maior campeão inglês e detenha uma das marcas mais valiosas do esporte mundial, o Manchester United é uma decepção gastronômica. "É uma questão de expectativa versus realidade", explica Fred Caldeira, correspondente dos canais Esporte Interativo, proprietários dos direitos de transmissão para o Brasil. "Não dá para colocar o Leicester e o Manchester United no mesmo barco. Por conta dessa balança, o serviço do United deixa a desejar. Não que seja ruim, mas fica atrás dos outros que vivenciei, como City e Arsenal". Opinião corroborada pelos colegas de ESPN. "A comida é sempre fraca, qualidade ruim e pouca opção. Na verdade, um buffet de quinta categoria", analisa João Castelo-Branco. "É realmente o mais simples", diz Natalie.

Comparação com o Brasil

Embora conscientes das disparidades socioeconômicas e sociais tanto entre campeonatos e principalmente entre os países, o contraste entre a realidade brasileira e inglesa de atendimento à imprensa ainda espanta. "Nunca esperava que iria ter comida nos estádios daqui (risos)", afirma Natalie, com passagem pela TV Globo, Band e Rádio Globo, e na sua segunda temporada de Premier League. "Lembro de um jogo que fui cobrir no Engenhão, anos atrás, quando eu ainda era repórter de rádio, não tinha água para beber no campo no calor do verão do Rio de Janeiro. Imagine comida (risos). Mas uso o Engenhão como exemplo, porque era muito difícil ter água em vários estádios do Brasil".

"O primeiro jogo que fiz aqui foi no Emirates, e estava preocupada que ficaríamos muito tempo no estádio, porque chego cedo e vou embora tarde. Então levei na mochila um lanchinho de pão de forma com patê. Depois eu ri de mim mesmo, porque cheguei lá e tinha um baita buffet (risos)".

Fred Caldeira também não sente saudade da (falta de) comida nos estádios brasileiros. "A minha experiência é com os clubes principalmente do Rio de Janeiro. O serviço é terrível. Não sei se mudou recentemente, mas até o fim de 2015, era uma nulidade. Às vezes tinha água e fruta no Flamengo. Nada no Fluminense, Vasco e Botafogo. Parecia que a imprensa era apenas aceita ali dentro e não fazia parte de uma relação no trabalho, como a Premier League faz questão de construir".

Veja o cardápio para a imprensa em um dia de jogo nos grandes clubes:

Arsenal

Caio Carrieri/Colaboração para o UOL

Comida: Frango Piri Piri, agrião e ensopado de feijão preto; Peixe e gnocchi com cogumelos; Batatas, brócolis, cenoura e ervilhas
Bebidas: Sucos, refrigerante, café, chá e cerveja
Sobremesa: Doces e frutas

Chelsea

Caio Carrieri/Colaboração para o UOL

Comida: Imensa variedade de comida, incluindo camarão, salmão, massa, presunto cru, tortas, sopa, opção vegetariana, buffet de saladas, entre outros
Bebidas: Água, refrigerante, sucos, café e chá
Sobremesa: Bolos, brownies e tortas

Liverpool

Caio Carrieri/Colaboração para o UOL

Comida: Carne, arroz, hambúrguer, asa de frango
Bebida: Refrigerante, água, suco e café
Sobremesa: Brownie de chocolate

Manchester City

Caio Carrieri/Colaboração para o UOL

Comida: Pernil, carne assada, salsicha, torta de peixe e lasanha
Bebidas: Refrigerante, sucos, isotônico, chá gelado, cerveja e água
Sobremesa: Tortas, bolos e chocolates

Manchester United

Caio Carrieri/UOL

Comida: Poucas opções: carne com molho e massa
Bebidas: Refrigerante, água e café
Sobremesa: Pudim de chocolate

Tottenham

Caio Carrieri/Colaboração para o UOL

Comida: Segue a tradição da gastronomia inglesa, com carne assada e tortas
Bebidas: Café, sucos, refrigerante e água
Sobremesa: Brownie de chocolate com calda

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos