Tite vê merecimento argentino e elogia Messi; Paulinho: "Que bom que foram"

Danilo Lavieri e Dassler Marques

Do UOL, em São Paulo (SP)

  • AFP PHOTO / Juan Ruiz

    Messi anotou os três gols que garantiram a classificação da Argentina ao Mundial

    Messi anotou os três gols que garantiram a classificação da Argentina ao Mundial

A suada classificação da Argentina, com atuação marcante de Lionel Messi, autor de três gols na vitória por 3 a 1 sobre o Equador, em Quito, também foi pauta na seleção brasileira. O técnico Tite, por exemplo, se derreteu pelo talento do camisa 10 rival, que, no momento de maior pressão das eliminatórias, decidiu com sobras para o país bicampeão mundial.

"Eles fizeram por merecer. Não é só em um jogo que se classifica, é uma regularidade de campanha, ainda mais com ida e volta. Nem quero entrar na questão das perdas dos pontos, não tenho como julgar, não posso, mas se valeu do talento do Messi e da qualidade que tem. E é uma grande coisa falar da individualidade do Messi", disse o treinador.

Assim como Tite, os jogadores questionados sobre a classificação argentina para o Mundial da Rússia ignoraram a rivalidade entre os países. Companheiro do craque alviceleste no Barcelona, Paulinho comemorou a presença de Messi na Copa do Mundo do ano que vem.

"Fico feliz que o Messi foi. Não tem nem o que falar, é o melhor jogador do mundo. Que bom que foram. Se foram é porque mereceram. Mas, claro, nossa preocupação era só a gente mesmo", comentou o camisa 15 da seleção brasileira, autor de um gol na vitória por 3 a 0 sobre o Chile nesta terça.

Até quem nem convive com Messi e é rival na Europa, como o goleiro Ederson, do Manchester City, se mostrou favorável à presença dos argentinos no torneio do ano que vem. A equipe de Messi, assim como o Brasil, será cabeça de chave no sorteio a ser realizado em dezembro.

"É importante, pois a Argentina é uma grande seleção. Será importante eles estarem lá. Mas, nem pensamos nisso, porque vamos nos esquecer da gente se pensarmos só nos adversários", declarou o goleiro, titular no triunfo desta noite no Allianz Parque.

A Argentina entrou na rodada final das eliminatórias sob grande risco de perder a Copa do Mundo na Rússia. A equipe comandada por Jorge Sampaoli saiu atrás no placar com menos de 40s, mas Messi, com três gols, garantiu os três pontos e a vaga direta no Mundial.

Além de brasileiros e argentinos, a Conmebol terá o Uruguai e a Colômbia como representantes na Rússia. O Peru, classificado para a repescagem mundial como o quinto colocado, enfrenta a Nova Zelândia por mais uma vaga no torneio mais importante do futebol mundial.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos