Xavi quer ser técnico do Qatar após deixar os gramados

Do UOL, em São Paulo, SP

  • Al Sadd/Facebook

O meia Xavi, lenda do Barcelona e campeão do mundo com a Espanha em 2010, revelou que deseja ser o treinador da seleção do Qatar após pendurar as chuteiras. Aos 37 anos, o meia está perto da aposentadoria e fez questão de manifestar a vontade de dirigir a seleção do país que sediará a Copa do Mundo em 2022.

Atualmente, Xavi defende o uniforme do Al-Sadd, time que atua na Qatar Star League. "Eu estou aqui para ajudar na evolução dos jogadores, assim eles serão capazes de competir com o resto do mundo,", disse o meia. " Tenho a vantagem de conhecer os jogadores do Qatar e o ambiente futebolístico do país".

Após 17 temporadas no time catalão, Xavi vai se consolidando e se consagrando no Al-Sadd. Em três temporadas no Qatar, Xavi, o capitão do time, marcou 11 gols em 38 partidas e conquistou três taças de campeão.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos