Alessandro lembra gol contra Palmeiras e diz que dérbi é "jogo de vontade"

Diego Salgado

Do UOL, em São Paulo

  • Fernando Pilatos/UOL

    Alessandro comemora gol marcado em vitória sobre o Palmeiras em 2011

    Alessandro comemora gol marcado em vitória sobre o Palmeiras em 2011

O gerente de futebol do Corinthians, Alessandro Nunes, relembrou nesta quarta-feira um gol marcado contra o Palmeiras em 2011, quando era lateral direito do time treinador por Tite. O dirigente usou o lance como exemplo para falar da preparação para o clássico do próximo domingo em Itaquera;

"É uma semana muito importante, de motivação extra, um trecho final de campeonato. É um grande rival. O que desejamos é ter cada dia dessa semana com muito compromisso e leveza para trabalhar", disse Alessandro.

"Consegui vencer um jogo fazendo um gol. Eles [jogadores atuais] sabem da importância, estamos brigando por um título, o mais importante da temporada. Essa vontade se distribui a cada atleta. Um jogo de vontade", completou o ex-lateral.

O jogo citado por Alessandro foi disputado em fevereiro de 2011, logo depois de o time corintiano ser eliminado pelo Tolima-COL na pré-Libertadores. Naquela ocasião, Tite quase foi demitido do cargo. Além disso, torcedores fizeram um protesto no CT do clube.

Quatro dias depois, o Corinthians venceu o Palmeiras por 1 a 0 no Pacaembu, com um gol no fim do clássico válido pelo Paulistão. O resultado ajudou a manter Tite no comando do time, que no fim daquela temporada, conquistou o título brasileiro.

O gerente de futebol disse ainda que o Corinthians pode voltar à rota de vitórias depois de três derrotas nos últimos quatro jogos. "O compromisso dos atletas será de fazer um grande jogo. Foi assim a temporada toda e vai ser novamente", frisou Alessandro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos