Torcedores arrombam portão, invadem estádio e treino do Bota é cancelado

Do UOL, no Rio de Janeiro*

  • Bernardo Gentile/UOL

Um grupo de cerca de 50 torcedores organizados arrombou um dos portões e invadiu o estádio Nilton Santos (Engenhão) na manhã deste sábado (18). Insatisfeitos com o desempenho do Botafogo, eles forçaram o acesso da Rua das Oficinas e entraram no estádio. O grupo foi direto para o gramado, mas não encontrou com os jogadores. A Polícia Militar foi acionada.

O Botafogo cancelou a atividade. Não houve contato entre os integrantes das organizadas, jogadores e comissão técnica. O aparato foi reforçado para conter os invasores. O clube lamentou o episódio e o fato de não poder realizar a última atividade antes de mais um compromisso pelo Campeonato Brasileiro.

A Guarda Municipal e seguranças privados também se deslocaram para o local com o objetivo de impedir qualquer ato violento. Um carro de jogador não identificado foi chutado pelos torcedores. As informações foram publicadas pelo site Globoesporte.com e confirmadas pela reportagem do UOL Esporte.

O vice-presidente de estádios Anderson Simões conversou com os invasores acompanhado de policiais militares. O objetivo era dar fim ao protesto e retirá-los das instalações.

O Botafogo vive um momento delicado e enfrenta uma série de manifestações da torcida. A última sexta-feira (17) teve forte mobilização de torcedores e o volante Bruno Silva como o principal alvo.

* Atualizada às 12h40

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos