Técnico mais longevo do Brasil deixa o Londrina; Ricardinho assume

Marcello De Vico e Napoleão de Almeida

  • Divulgação/Londrina

    Cláudio Tencati, treinador do Londrina

    Cláudio Tencati, treinador do Londrina

Chegou ao fim a Era Cláudio Tencati no Londrina. Técnico mais longevo do Brasil até então, ele trabalhou no clube paranaense por quase sete anos: de abril de 2011 até esta quarta-feira (22), dia em que chegou a um acordo com a diretoria para deixar o cargo. Ricardinho será seu substituto (leia mais abaixo).

O anúncio oficial será feito nesta quinta-feira (23), com pronunciamentos da diretoria do LEC e do comandante.

A saída de Cláudio Tencati foi uma opção do próprio treinador. Ele considera que seu ciclo no Londrina chegou ao fim, e agora pretende seguir em busca de novos desafios na carreira.

Desde que assumiu o Londrina, Tencati conseguiu levar o time da Série D para a Série B do Brasileiro e ainda conquistou o título da Primeira Liga nesta temporada e o Estadual de 2014. Nos últimos dois anos, brigou pelo acesso à Série A até as últimas rodadas: foi sexto colocado em 2016 e está em quinto nesta temporada, já sem chances de classificação.

A despedida do treinador pelo time paranaense acontecerá no sábado (25), contra o Vila Nova-GO, no Serra Dourada, em jogo válido pela última rodada da Série B.

Ricardinho será o substituto

Tupi FC/Divulgação
Segundo apurou o UOL Esporte, o ex-jogador pentacampeão mundial Ricardinho será o novo comandante do Londrina. Ele está sem clube desde 2016, quando deixou o Tupi-MG após nove jogos e apenas uma vitória na Série B - o time mineiro terminou a competição rebaixado.

Além do Tupi-MG, Ricardinho, hoje com 41 anos, ainda acumula passagens por Paraná, Ceará, Avaí, Santa Cruz e Portuguesa.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos