Neymar faz de pênalti, Cavani também marca e PSG dispara no Francês

Do UOL, no Rio de Janeiro

No duelo mais aguardado do Campeonato Francês, melhor para o Paris Saint-Germain. E para Neymar também. O craque brasileiro cobrou pênalti, fez gol e ajudou o time da capital a superar o atual campeão, Monaco, por 2 a 1 neste domingo (26), no Principado. Cavani, que cedeu a cobrança para o camisa 10, marcou o outro gol da vitória tranquila do líder da competição. João Moutinho descontou para os donos da casa.

Com a vitória, o PSG disparou na ponta da tabela e mostrou que dificilmente não será o grande favorito ao título da temporada 2017-2018. São 38 pontos em 14 jogos, nove a mais que o agora vice-líder Lyon. O Monaco, também com 29, perdeu o segundo lugar por ter saldo de gols menor.

A vitória deste domingo foi a 17ª do PSG em 19 jogos na temporada – foram ainda dois empates na campanha invicta.

Domínio absoluto do PSG

Neymar tratou de mostrar logo no início que gostaria de retomar as boas atuações pelo Campeonato Francês. Com menos de dois minutos, mostrou muita habilidade para superar dois marcadores no meio e encontrou Mbappé nas costas da zaga. O jovem driblou o goleiro e teve o gol aberto para fazer 1 a 0, mas chutou para fora. Logo depois, aos 8, nova chance. Cavani recebeu na área e desviou para Draxler, que chegou atrasado em nova falha de finalização do PSG.

Com mais de 75%, o gol do Paris era questão de tempo. E o time nem precisou de Neymar para marcar. Rabiot achou Draxler pela esquerda; o alemão cruzou para Cavani, que, sozinho na área, tocou para o fundo do gol. Os visitantes mantiveram o domínio absoluto em campo, mas a diferença não foi refletida no placar, mantendo-se a vantagem mínima até o intervalo.

Neymar para na trave, mas marca de pênalti

O segundo tempo foi uma repetição do amplo domínio do PSG, agora com Neymar centralizando as ações ofensivas. E o brasileiro queria quebrar o jejum de mais de um mês no Campeonato Francês. Na primeira tentativa, bola na trave após passe de Mbappé. Na segunda, pênalti convertido. O camisa 10 assumiu a vaga de Cavani na cobrança e fez 2 a 0 para o Paris após falta que ele mesmo sofreu dentro da área. O placar poderia ser mais elástico, mas os visitantes esbarraram na falta de pontaria.

O Monaco ainda descontou com João Moutinho em cobrança de falta que desviou em Mbappé, aos 35 minutos. Mas foi só isso. O time da casa não ameaçou o PSG nos últimos dez minutos.

Mesmo em função diferente, Neymar brilha

EFE/EPA/SEBASTIEN NOGIER
Neymar atuou mais recuado e fez gol de pênalti em vitória do PSG

Neymar tentou, criou, buscou jogo. Mas tudo isso em uma função diferente. O camisa 10 do PSG se apresentou mais recuado, longe do terço final do campo (ataque). O brasileiro atuava mais próximo de Rabiot e Draxler, no meio, buscando bolas em profundidade para os avançados Cavani e Mbappé. O posicionamento é diferente do verificado em jogos da seleção brasileira e até em partidas do Paris na Liga dos Campeões. Ainda assim, o jogador foi decisivo. Deu passes precisos e fez o gol da vitória de pênalti no segundo tempo.

Cavani supera Falcao García. Mbappé falha na pontaria

Apesar dos holofotes sobre Neymar, um outro duelo interessante chamava a atenção neste Monaco x PSG. Trata-se do confronto entre os artilheiros Cavani e Falcao García. E o atacante do PSG, goleador do campeonato, levou a melhor. O uruguaio abriu o placar a chegou à excelente marca de 16 jogos em 14 gols no Francês – já são 22 em 19 duelos na temporada. García ficou zerado. Cria do Monaco e agora no PSG, Mbappé foi outro que passou sem balançar as redes, perdendo ainda várias chances claras. O jovem só se aproximou das redes ao desviar a falta que gerou o gol adversário.

Jemerson inseguro novamente

Convocado por Tite nas duas últimas listas, Jemerson parece não reencontrar as boas atuações que o levaram à seleção brasileira. Após falhar no gol do Japão contra o Brasil, em amistoso no último dia 10, a insegurança deu o tom às exibições do zagueiro brasileiro. Gol contra, falhas na Liga dos Campeões e mais uma atuação abaixo da média neste domingo. Sem conseguir parar o poderoso ataque do PSG, foi presa fácil para Draxler no lance do primeiro gol.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos