Após expulsão, Ponte libera Rodrigo dos treinos e rescindirá com zagueiro

Marcello De Vico

Do UOL, em Santos (SP)

  • Reprodução

    Rodrigo foi expulso diante do Vitória após dar uma 'dedada' no atacante Tréllez

    Rodrigo foi expulso diante do Vitória após dar uma 'dedada' no atacante Tréllez

A Ponte Preta anunciou na tarde desta terça-feira (28) que o zagueiro Rodrigo foi liberado dos treinamentos desta semana. O futuro do jogador, que tem vínculo com o clube campineiro até o fim de 2018, está sendo definido por diretoria e empresário. Segundo apurou o UOL Esporte, o contrato será rescindido de forma amigável.

Rodrigo se tornou o principal personagem do rebaixamento da Ponte Preta no último domingo (28) após ser expulso de forma infantil e deixar sua equipe com um a menos ainda no primeiro tempo do jogo contra o Vitória, quando o placar marcava 2 a 0 para a Macaca. No segundo tempo, o time baiano virou a partida para 3 a 2 e rebaixou a Ponte Preta.

Rodrigo ainda não se manifestou publicamente e espera a 'poeira baixar' para dar alguma declaração sobre a expulsão. Porém, segundo apurou a reportagem, o jogador não tem mais clima com ninguém para permanecer na Ponte Preta.

A expulsão de Rodrigo aconteceu aos 20 minutos do primeiro tempo, quando a Ponte ainda vencia o jogo por 2 a 0. O defensor introduziu o dedo entre as nádegas de Trellez e, após reclamação dos jogadores do Vitória, o quarto árbitro avisou ao juiz, que aplicou cartão vermelho ao jogador.

A reapresentação do elenco pontepretano acontece nesta quarta-feira (29), ainda sem horário e local definidos.

Veja a nota divulgada pela Ponte Preta:

A Ponte Preta informa que o zagueiro Rodrigo foi liberado dos treinos desta semana (o time se reapresenta na quarta). A diretoria e o empresário do jogador estão definindo a situação do atleta.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos