Vice paulista pelo Audax, Fernando Diniz negocia para comandar Guarani

Marcello De Vico

Do UOL, em Santos (SP)

  • Alex Silva/Estadão Conteúdo

    Fernando Diniz levou o time do Audax ao vice-paulista de 2016

    Fernando Diniz levou o time do Audax ao vice-paulista de 2016

Sem Lisca, que não chegou a um acordo para permanecer no comando bugrino, o Guarani já tem um novo alvo para ser o treinador da equipe na temporada 2018: Fernando Diniz, vice-campeão paulista de 2016 com o Audax e que está sem clube há cerca de cinco meses.

"Nós abrimos negociação [com Fernando Diniz], mas nada acertado ainda. Seguimos sem técnico", disse o presidente Palmeron Mendes Filho em entrevista ao UOL Esporte.

Segundo apurou a reportagem, tudo caminha para que clube e treinador entrem em acordo e Fernando Diniz seja anunciado pelo Guarani já nesta quinta-feira (30).

Fernando Diniz era o técnico em evidência no futebol paulista em 2016, especialmente no primeiro semestre, quando figurou até entre os cotados para substituir Tite no Corinthians.

Com uma ideia de futebol que priorizava o toque de bola e a saída para o ataque sem os tradicionais 'bicões', o treinador conseguiu levar o Audax à decisão do Paulistão, eliminando São Paulo nas quartas, Corinthians na semi e sendo parado apenas pelo Santos na decisão.

Em seguida, por meio de uma parceria entre Audax e Oeste, Fernando Diniz comandou a equipe de Itápolis – que passou a jogar em Osasco – na Série B, mas o futebol apresentado pelo time, com jogadores totalmente diferentes do vice paulista, caiu de produção.

Já nesta temporada, Fernando Diniz não conseguiu evitar o rebaixamento do Audax para a Série A-2 do Paulista. Pouco depois, deixou o clube e desde então vem analisando propostas.

Fumagalli renova para a A-2

Reprodução
Ídolo do Guarani, o meia-atacante Fumagalli acabou com as especulações de uma possível aposentadoria já este ano e anunciou que continuará defendendo o time bugrino no começo de 2018.

"Quero alcançar esse acesso e fechar minha carreira com chave de ouro para completar minha história no Guarani. Isso que me dá força e motiva para jogar esses três meses. É um campeonato curto, e isso me motivou bastante para alcançar esse sonho de recolocar o Guarani na primeira divisão do Campeonato Paulista", disse.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos