Estátua de Messi sofre vandalismo pela segunda vez na Argentina

Do UOL

Em São Paulo

  • Reprodução/Jornal OLÉ

    Estátua de Messi sofre vandalismo na Argentina

    Estátua de Messi sofre vandalismo na Argentina

Uma estátua em homenagem a Lionel Messi, em Costanera Sul, Buenos Aires, na Argentina, sofreu vandalismo e foi destruída neste domingo (3). Segundo informações dos jornais argentinos, a polícia local não sabe quem são os responsáveis pelo ato que cortou a obra pelos pés. O "corpo" de Messi ficou jogado no chão.

Não é a primeira vez que a obra, inaugurada em agosto de 2016, sofre com esse tipo de ação. Em janeiro de 2017, ela teve suas mãos e cabeças destruídas.

O local é uma espécie de 'templo' de homenagem a atletas argentinos. O jogador de basquete Emanuel Ginóbili, o ex-tenista Guillero Vilas e o ex-piloto de fórmula 1 Juan Manuel Fangio também têm estátuas na área.

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos