"Deixar o Real parecia um passo atrás", diz Robben, sobre ida ao Bayern

Do UOL, em São Paulo

  • Emmanuel Dunand/AFP

    Robben em ação pelo Bayern em partida contra o Anderlecht

    Robben em ação pelo Bayern em partida contra o Anderlecht

Prestes a completar 100 jogos na Liga dos Campeões da Uefa, Arjen Robben admitiu que achava que estava dando um passo atrás na carreira quando trocou o Real Madrid pelo Bayern de Munique. No clube alemão desde 2009, o holandês já conquistou seis Campeonatos Alemães, uma Liga dos Campeões da Uefa e um Mundial Interclubes.

"O Real Madrid tem uma trajetória fantástica, também na Europa. O objetivo era ganhar o décimo título do clube na Liga dos Campeões. Esse era realmente o sonho. Eu joguei lá por dois anos, mas não ganhamos o troféu. Nós passamos por um período muito difícil naquela época e não chegamos muito longe na Liga dos Campeões, então não tenho boas lembranças dessa fase", confessou Robben.

"Deixar o Real parecia um passo atrás naquele momento. O Bayern não foi tão bem-sucedido na Europa nos anos anteriores, e meu objetivo era jogar no mais alto nível possível. E isso significa ganhar a liga dos Campeões", completou.

Pelo clube alemão, Robben conseguiu realizar sua meta e vencer a Liga dos Campeões em 2013. O holandês foi eleito o melhor em campo na final, vencida por 2 a 1 sobre o rival Borussia Dortmund.

"Você pensa em tudo, em emoções, que realmente conseguiu seu objetivo como jogador e em equipe, que alcançou o nível mais alto possível, que ganhou a Liga dos Campeões. Era meu sonho como jogador", afirmou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos