Presidente do Grêmio diz que Marinho, ex-Vitória, foi oferecido

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

  • Reprodução/Facebook

Marinho, ex-Vitória e atualmente no Changchun Yatai, da China, pode reforçar o Grêmio em 2018. De acordo com Romildo Bolzan Jr., presidente do clube gaúcho, o jogador foi oferecido e tem o nome sob análise. As tratativas só avançarão, no entanto, depois do Mundial de Clubes.

O jogador já havia sido tentado pelo Tricolor no final de 2016, mas acabou indo para o futebol chinês.

"Nos foi ofertado, está em exame. Mas depois do título nada mais andou. Estamos trabalhando o time agora. Depois vamos ver", disse Bolzan à Rádio Bandeirantes de Porto Alegre.

Aos 27 anos, Marinho se profissionalizou no Fluminense e rodou por Inter, Cruzeiro, Ceará. Ganhou notoriedade ao ajudar o Vitória a escapar do rebaixamento no Brasileirão do ano passado. À época ele chegou a receber oferta do Flamengo.

O Grêmio, por sua vez, fez consulta e não avançou no tema.

A direção do Tricolor deve entrar de cabeça no mercado depois do Mundial de Clubes, nos Emiradoa Árabes Unidos. A delegação do Grêmio embarca na próxima quarta-feira e a estreia acontece em 12 de dezembro.

Na semifinal o Grêmio enfrenta Wydad Casablanca, do Marrocos, ou Pachuca, do México. No dia 16 acontece o segundo jogo (final ou disputa do terceiro lugar). A primeira partida será na cidade de Al-Ain e a segunda em Abu Dhabi.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos