Renato reclama de regras e datas do Mundial: "Grêmio sai prejudicado"

Do UOL, em Porto Alegre

  • Rodrigo BUENDIA / AFP

    Treinador criticou deslocamento longo, intervalo curto após título e inscrições

    Treinador criticou deslocamento longo, intervalo curto após título e inscrições

Não é só a diretoria do Grêmio. Renato Gaúcho também não gostou da agenda apertadíssima entre a final da Libertadores e o início do Mundial de Clubes. Nesta terça-feira (5), véspera do embarque rumo aos Emirados Árabes, o treinador do Tricolor reclamou do calendário. Contestou a decisão da Fifa de vetar as inscrições de Cristian e Cícero e afirmou que o Real Madrid leva vantagem por estar em ritmo de competição.

O Grêmio estreia no dia 12, contra Pachuca-MEX ou Wydad Casablanca-MAR, na cidade de Al-Ain. A final está marcada para 16 de dezembro, em Abu Dhabi.

"Nesse aspecto os times de lá vão levar vantagem. Eles estão jogando. Nós encerramos a Libertadores e até a estreia vamos ficar praticamente 15 dias sem jogar. É ruim... O desgaste da viagem é muito grande também. Nisso tudo, nesse contexto todo, eles só têm vantagem", comentou o treinador do Grêmio em entrevista coletiva.

A logística gerou dor de cabeça entre os dirigentes. Com intervalo pequeno, o Grêmio teve dificuldades em obter reserva de passagens. A saída foi dividir o elenco em dois a partir de São Paulo. De lá, metade da delegação faz trajeto por Londres e a outra parte viaja por Frankfurt.

"Cada vez a gente vai se enfraquecendo mais, perdemos mais gente. Até agora não entendi a decisão da Fifa em não deixar a gente inscrever Cristian e Cícero. Ao invés da Fifa engrandecer esse minitorneio, enfraquece. Eles até poderiam deixar os clubes contratarem mais. Não que o Grêmio queira, mas seria uma maneira de fortalecer o torneio. A Fifa basicamente enfraquece. O maior prejudicado nessa história é o Grêmio, podem ter certeza", disse Renato.

A declaração faz alusão ao desfalque de Arthur, com lesão no tornozelo, mas principalmente a restrição imposta pela Fifa aos jogadores contratados depois de agosto. Com essa linha de corte, a entidade máxima do futebol não aceitou o registro de Cristian e Cícero.

O Grêmio embarca nesta quarta-feira (6), às 11h15 (Brasília) rumo a São Paulo, em voo fretado. A chegada em Abu Dhabi é prevista para o dia seguinte e a delegação ainda irá percorrer mais um trecho de cerca de duas horas de ônibus até seu QG antes da semifinal.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos