Rabiot critica individualismo do PSG em derrota contra o Bayern

Do UOL, em São Paulo

  • Reuters

    Adrien Rabiot diz que PSG não pensou coletivamente em duelo em Munique

    Adrien Rabiot diz que PSG não pensou coletivamente em duelo em Munique

O meia Adrien Rabiot criticou o comportamento do PSG na derrota frente ao Bayern de Munique, 3 a 1, na Alemanha. Apesar do revés, o time francês continua em primeiro do grupo da Liga dos Campeões.

Para o jogador, não houve trabalho coletivo na equipe.

"Nós fomos muito individualistas", disse Rabiot para o "Bein Sports". "Nós não jogamos o suficiente como uma equipe. Nas poucas vezes em que jogamos coletivamente, quando giramos a bola, nós fomos perigosos e criamos oportunidades. Poderíamos ter marcado melhor, também", acrescentou.

Estrela do time, Neymar recebeu poucas bolas, sendo anulado pela defesa bávara. Daniel Alves foi criticado pela imprensa francesa.

"Somos uma equipe, temos bons jogadores. Coletivamente, nós costumamos jogar bem juntos. Quando tentamos ir sozinhos não funciona. Isso servirá de lição para o futuro", reforçou Rabiot.

O presidente do PSG, Nasser Al-Khelaifi, disse que ficou decepcionado com a atuação do PSG na derrota por 3 a 1 para o Bayern de Munique, na última terça-feira, e espera que o resultado sirva de lição para a sequência da campanha no torneio.

"Nós não jogamos. Essa é a verdade. Estou muito desapontado com o resultado, a qualidade do jogo, especialmente no primeiro tempo. Depois, fomos melhores, mas não o suficiente para obter um empate", disse Al-Khelaifi, para quem a qualidade do adversário não pode ser uma desculpa.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos