São Paulo monitora Scarpa e estuda como viabilizar negócio com o Flu

Bruno Grossi e Leo Burlá

Do UOL, em São Paulo (SP) e no Rio de Janeiro (RJ)

  • Thiago Ribeiro/AGIF

    Gustavo Scarpa está no Fluminense desde as categorias de base

    Gustavo Scarpa está no Fluminense desde as categorias de base

O nome de Gustavo Scarpa está entre os favoritos do São Paulo para reforçar o elenco na próxima temporada. O meia de 23 anos é admirado pela diretoria e pela comissão técnica do Tricolor Paulista, que agora estuda uma forma de viabilizar o negócio com o Fluminense. O interesse foi publicado pelo Globoesporte.com e confirmado pelo UOL Esporte. A definição do orçamento para 2018 e de nomes que não serão aproveitados por Dorival Júnior servirão de ponto de partida para abrir conversas com os cariocas.

A situação de Scarpa já era monitorada pelo fato do jogador ter convivido com vaias e críticas da torcida do Fluminense ao longo do Campeonato Brasileiro e pensar em mudar de ares no próximo ano. O São Paulo não era o único clube atento ao caso, obviamente, mas se animou depois de declarações do técnico Abel Braga no início desta semana. 

O treinador afirmou que o Tricolor Carioca precisa de um elenco mais numeroso, mas não tem dinheiro para investir. Assim, o Flu estaria disposto a trocar até peças importantes desde que recebe dois ou três jogadores nas negociações. Com Scarpa, o mais valorizado do elenco, a tendência é que o Fluminense exija dinheiro além de atletas para consumar o negócio. A multa do armador é estimada em 10 milhões de euros (R$ 38,15 milhões). 

Esse modelo de negócio também agrada ao São Paulo, que aguarda a aprovação do quanto poderá gastar em 2018 e que tem moedas troca disponíveis para barganhar. O lateral-esquerdo Matheus Reis e o atacante João Paulo voltaram de empréstimo do Bahia e não têm futuro definido. Hudson está cedido ao Cruzeiro, que tem cada vez menos tempo para exercer a preferência de compra. 

Há ainda jogadores que estão no Tricolor Paulista, mas sem espaço, como o goleiro Renan Ribeiro, com contrato até maio, e os laterais Bruno e Buffarini. Além dos garotos que estouraram o limite de idade para a base e defenderam o clube no Brasileirão de Aspirantes, como Hugo Gomes e Lucas Kal. 

Scarpa iniciou a carreira no Desportivo Brasil e chegou ao Fluminense ainda nas categorias de base, em 2012. A estreia no profissional foi dois anos mais tarde, quando disputou seis partidas. Em 2015, passou por empréstimo pelo Red Bull Brasil e retornou já para ser titular nas Laranjeiras. Ao todo, são 151 jogos e 26 gols pelo time carioca. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos