Zagueiro ex-Corinthians é expulso em jogo da Liga após troca de empurrões

Do UOL, em São Paulo

  • Luis Vieira/AP

Enquanto as legiões brasileiras brilhavam em Liverpool e na Ucrânia, o zagueiro Felipe, ex-Corinthians, acabou expulso ainda no primeiro tempo da partida entre Porto e Monaco desta quarta-feira (6), pela última rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões.

O defensor brasileiro se envolveu em uma confusão com o meia Ghezzal, trocou empurrões e recebeu o cartão vermelho direito do árbitro Jonas Eriksson. O lance foi estranho, pois Felipe cometeu uma falta comum, puxando a camisa e derrubando o rival em um contragolpe.

Ghezzal e o brasileiro começaram a gesticular um para o outro, até o ponto em que o defensor levou uma mão na cara do rival. A arbitragem demorou para decidir o que fazer. A princípio, Eriksson sacou o cartão amarelo, mas posteriormente chamou os atletas de lado e exibiu o vermelho para ambos, mandando os dois para o chuveiro aos 38min.

A expulsão foi inoportuna para Felipe, pois a comissão técnica da seleção brasileira estava no Estádio do Dragão para avaliar convocados em potencial, como Fabinho e Jemerson, do Monaco. Com a quarta vaga de zagueiro em aberto no elenco de Tite, o defensor do Porto desperdiçou a oportunidade de exibir bom futebol.

O Porto venceu a partida por 5 a 2 e se classificou como segundo colocado do grupo, atrás do Besiktas.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos