Após volta por cima, filho de Bebeto não convence e é oferecido na Bélgica

Marcus Alves

Colaboração para o UOL, em Lisboa (POR)

  • Divulgação

Ao fim de cada jogo da Liga dos Campeões, os clubes são obrigados a disponibilizar oito jogadores para conversar com a imprensa. Em Portugal, a regra é 'driblada': nos confrontos em casa, os seus representantes destacam no máximo dois nomes para falar com os repórteres enquanto os demais apenas cruzam a zona mista até o seu final, dão a volta sem soltar uma palavra e retornam para o vestiário.

A cena provoca estranheza, para dizer o mínimo.

Em geral, os principais atletas são escolhidos para enfrentar os microfones. O brasileiro Mattheus Oliveira foi o indicado em confronto recente do Sporting pelo torneio continental, na vitória de 3 a 1 sobre o Olympiakos, em Alvalade. Ele entrou nos acréscimos e fez a sua estreia na competição. Foram três minutos somente em campo e talvez o seu momento de mais evidência diante das câmeras. Não deverão ser suficientes para garantir sobrevida na equipe.

Filho de Bebeto, o jovem jogador de 23 anos chegou com grandes expectativas, a um custo de 2 milhões de euros (R$ 7,5 milhões) e multa rescisória de 60 milhões de euros (R$ 225 milhões), mas ainda não convenceu até aqui.

Conforme o UOL Esporte apurou, o meio-campo será emprestado na reabertura de janela de transferências, em janeiro, para que ganhe maior rodagem e não fique parado. A sua cessão foi oferecida, por exemplo, ao Gent, da Bélgica, que ainda não respondeu se tem interesse em seu futebol. O destino mais natural é o exterior.

Até o momento, Mattheus soma apenas 140 minutos em sua primeira temporada no time de Lisboa e nem sequer estreou na Liga Portuguesa. Ele desembarcou em Portugal como alternativa a um dos destaques do clube, Adrien, negociado com o Leicester, porém, não entrou nos planos do técnico Jorge Jesus, obcecado pelo futebol brasileiro e um dos responsáveis por sua contratação.

Ressurgimento pós-Flamengo

Pedro Nunes/Reuters

Revelado pelo Flamengo, o atleta patina em sua primeira chance em um grande após dar a volta por cima ao sair desacreditado do Ninho do Urubu. Com quatro jogos e um gol marcado, ele se reinventou em Portugal e foi uma das revelações do Estoril na temporada passada, atuando mais atrás, como segundo volante, e sendo peça-chave no clube comandado pela TFM (ex-Traffic), que cuida de sua carreira.

A sua 'redescoberta' se deu após estudo minucioso do departamento de scout do fundo de investimento.

"Ele é um atleta de primor técnico muito bom, tem aplicações de força e velocidade razoáveis, mas de componentes defensivos que tinham dificuldades", afirmou o Head Scout do Estoril no Brasil, Lucas Góes, em evento no primeiro semestre, em São Paulo.

"Com o treinador que ele encontrou primeiro, a gente teve dificuldade na continuidade de desenvolvimento. Ele pegou outro (técnico) no meio do caminho que conseguiu com muita briga, talvez o que ele mais odiou, evoluir bastante nesse aspecto. Depois, pegou um terceiro que descobriu a posição ideal dele, que não era a que ele vinha jogando. Ou seja, foi um conjunto de fatores. Dentro de todo esse tempo, houve um nível de reflexão muito alto, scout, a ficha que foi entregue com ressalvas e o que precisava", completou.

Mattheus foge ao perfil boleiro, está prestes a se casar e agrada ao Sporting por sua postura fora de campo. Esse é um dos motivos pelos quais a equipe não pretende desistir de seu futebol e vê a sua saída por empréstimo como uma forma de não deixá-lo encostado.

O seu pai Bebeto, por sua vez, aproveitou ida recente ao prêmio de melhor do mundo da Fifa para fazer uma parada em Portugal. Na ocasião, em contato com a Antena 1, se mostrou esperançoso com o futuro do primogênito. "O Mattheus está muito feliz. Lisboa é uma cidade maravilhosa, nos sentimos em casa. Ele está procurando o seu espaço e graças a Deus vai conseguir. Está sempre aprendendo, é um rapaz muito centrado", disse.

Com contrato até julho de 2022, Mattheus segue como figura comum no banco de reservas e está longe ainda do mesmo destaque do compatriota Bruno César.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos