Federação peruana lamenta punição a Guerrero e confia em reverter decisão

Do UOL, em São Paulo

  • Marcos Brindicci/Reuters

    Guerrero testou positivo em exame antidoping nas Eliminatórias

    Guerrero testou positivo em exame antidoping nas Eliminatórias

A Federação Peruana de Futebol (FPF) emitiu comunicado nesta sexta-feira (8) lamentando a suspensão de um ano dada pelo Comitê Disciplinar da Fifa ao atacante Paolo Guerrero, por doping. O jogador do Flamengo foi flagrado com um metabólito da cocaína em exame feito após partida contra a Argentina, pelas Eliminatórias da Copa de 2018.

"Lamentamos e nos solidarizamos com a difícil situação que vem atravessando Paolo Guerrero. Reiteramos nosso respeito à qualidade pessoal e profissional de Paolo e valorizamos sua imensa contribuição à nossa seleção, como capitão e líder do grupo", diz a nota.

"É importante acrescentar que a decisão poderá ser apelada por seus advogados ao Tribunal de Apelações da Fifa. Confiamos nas instânicas jurisdicionais do sistema do futebol mundial", completa.

Se a suspensão for mantida, Guerrero ficará de fora da Copa do Mundo de 2018, para a qual o Peru conseguiu se classificar após 36 anos de ausência. A confiança da FPF é que a decisão será revertida, se não na Fifa, no Tribunal Arbitral do Esporte (TAS), instância máxima do direito esportivo no mundo.

"Recebemos a família de Paolo e conversamos com ele com a certeza de que o futebol e todos os peruanos, juntos, podemos superar adversidades, como temos demonstrado", conclui o comunicado da federação.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos