Prejuízo da Série B: Inter pede suplementação orçamentária de R$ 26 milhões

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

  • Ricardo Duarte/Inter

    Torcida esteve presente no Beira-Rio, mas ingresso barato movimentou menos valor

    Torcida esteve presente no Beira-Rio, mas ingresso barato movimentou menos valor

O Internacional terminou 2017 no prejuízo. Os gastos frequentes não conseguiram ser repostos pela queda de rendimentos do clube com a segunda divisão. Para tornar a equação financeira um pouco menos preocupante, um pedido de suplementação orçamentária na casa dos R$ 26 milhões será analisado pelo Conselho Deliberativo.

A solicitação parte da direção e precisa da anuência do Conselho. O dinheiro servirá para sanar problemas imediatos e dar algum fôlego ao clube no começo da temporada.

A dificuldade financeira do Inter decorre, entre outros fatores, da queda de rendimento com estádio, patrocínios e diminuição da renda de televisão por conta da queda para Série B. Foram realizadas, por exemplo, uma série de promoções de ingressos para partidas em casa, que aumentou público mas diminuiu a movimentação de dinheiro nas partidas.

Além disso é reflexo da desvalorização do elenco por conta da Série B. O clube vendeu apenas William na última temporada, e com preço inferior ao que acreditava ser o melhor.

A reportagem do UOL Esporte citou na última semana a dificuldade financeira do Inter e como isso influencia nos reforços que o time mira para próxima temporada. A ideia é encontrar maneiras alternativas de melhorar o rendimento do time.

Na próxima semana, uma reunião do Conselho Deliberativo irá apreciar a necessidade de suplementação orçamentária do clube.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos