Ronaldo Fenômeno diz que ajudará Corinthians, mas descarta cargo no clube

Do UOL, em São Paulo

  • Rodrigo Paiva/UOL

Considerado um trunfo para o candidato Andrés Sanchez na eleição do Corinthians de fevereiro de 2018, Ronaldo Fenômeno explicou as notícias de que se Sanchez vencer, o ex-jogador terá um cargo no clube, e descartou essa possibilidade.

Durante um jogo neste domingo (10), em São Paulo, Ronaldo brincou com Andrés e avisou que não terá um cargo , mas ajudará o Corinthians como puder. "Ele já me colocou dentro né", brincou Ronaldo ao responder se seria diretor em caso de vitória do candidato em entrevista ao Estadão.

O ex-jogador destacou o apoio ao candidato. "Eu apoio com certeza. A gente fez um projeto maravilhoso. Ele mudou a história do clube e não vejo nem esportivamente, porque o Corinthians ainda ganha títulos, mas um clube tão grande como Corinthians com zero de estrutura que tinha é inadmissível. A mudança foi fundamental pra que o Corinthians se destacasse", ressaltou Ronaldo, que ainda pontuou as melhoras.

"Não só esportivamente, mas vê a média de público que é muito alta e isso é graças a um planejamento e uma criação de infraestrutura no clube que é importante ao futebol", disse.

Ronaldo explicou que no momento prefere ficar fora do Brasil. "Eu não tenho, por enquanto, a ambição de vir ao Brasil e trabalho no futebol. Estou vendo oportunidades no exterior, mas sempre estarei perto do Andrés e se ele quiser minhas ideias, meu prestígio...faço tudo pelo Corinthians, além dele ser o candidato ideal, a torcida já conhece, eu estando próximo posso ajudar o Corinthians com novas receitas", explicou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos