Sidão quer SP sem repetir erros de 2017 e fala do peso por substituir Ceni

Do UOL, em São Paulo

  • Diego Salgado/UOL Esporte

    O goleiro Sidão concede entrevista após amistosos de fim de ano

    O goleiro Sidão concede entrevista após amistosos de fim de ano

O São Paulo sofreu em 2017. No Campeonato Brasileiro, o Tricolor quebrou o recorde negativo de ficar 14 rodadas na zona do rebaixamento. Porém, no segundo turno da competição, a equipe conseguiu reagir. Goleiro titular na reta final da temporada, Sidão acredita que tal desempenho e postura podem ser vistos como exemplo para o clube.

"Para o Rogério [Ceni] foi prometido algo e acabou não se cumprindo. Fizemos ótima pré-temporada, viemos com time forte, no Paulista fomos bem, era um dos melhores ataques do campeonato e do Brasil, mas acabávamos sofrendo alguns gols. O pessoal começou a se cobrar muito isso. Depois iniciaram as vendas [de jogadores], o time começou a ficar desfalcado. Importante é o final, mais do que o começo. Que sirva de lição para não se cometer os mesmos erros no ano que vem", disse Sidão à Espn Brasil.

Para o arqueiro, o segundo turno do nacional serve de parâmetro do que deve ser feito na próxima temporada. "Se não me engano tivemos a segunda melhor campanha do segundo turno. Se analisarmos o segundo turno bom, acho que é isso que temos que levar para 2018. É o ponto de partida, o time coeso, firme, que consegue segurar resultado e virar resultado."

De quebra, Sidão teve a responsabilidade durante o ano de substituir Rogério Ceni - que se aposentou em 2015 e é considerado um dos principais ídolos na história do clube.

"Costumo dizer que chega a ser desleal a comparação, pelo que o Rogério fez no São Paulo. O cara só jogou ali e o torcedor tem admiração muito grande. Toda vez que entra alguém, vão se lembrar dele, tocar no assunto. É pesado, uma pressão absurda substitui-lo por tudo que ele ganhou. O pessoal vai entendendo aos poucos que o legado do Rogério encerrou e outras pessoas vão aparecer no lugar."
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos