Ele está de volta! Sport oficializa contratação de Nelsinho Baptista

Do UOL, em Santos (SP)

  • Williams Aguiar/Sport Club do Recife

    Nelsinho Baptista é apresentado pelo presidente Arnaldo Barros

    Nelsinho Baptista é apresentado pelo presidente Arnaldo Barros

Técnico campeão da Copa do Brasil pelo Sport em 2008, Nelsinho Baptista, de 67 anos, está de volta à Ilha do Retiro. Após nove anos trabalhando no Japão, o técnico retorna ao Brasil para comandar um dos times pelo qual mais teve sucesso no país.

Nelsinho terá contrato até o fim de 2018 e já foi apresentado na Ilha do Retiro, na tarde desta terça-feira (12).

"Estou muito feliz, mas a responsabilidade é muito grande. Eu volto para onde sou muito querido, mas vou ser cobrado também. Meu papel é fazer um trabalho vitorioso como fiz no passado. O presente é que importa agora", disse.

"Sei da minha responsabilidade. A torcida espera de mim um resultado positivo. O que posso falar é que, nesses nove anos de Japão, estou mais experiente, mais vivido dentro do futebol, com experiência tática maior", acrescentou.

Nelsinho falou ainda sobre o fato de estar há muito tempo (nove anos) longe do Brasil. Garante, porém, que isso não atrapalhará seu trabalho no Sport.

"Estou a par do elenco do Sport. Conheço alguns pessoalmente, alguns são jogadores de renome, alguns jovens, temos informações. É muito mais fácil chegar e conhecer um grupo brasileiro do que um japonês. Pelo menos a comunicação é mais fácil", completou.

Além da Copa do Brasil, Nelsinho Baptista ainda faturou dois Campeonatos Pernambucanos em sua passagem pelo Sport – entre 2008 e 2009. Depois de faturar o título nacional, ele comandou o time pernambucano na Libertadores: ficou em primeiro do seu grupo, mas acabou eliminado pelo Palmeiras nas oitavas de final, na decisão por pênaltis.

O Sport foi, justamente, o último clube pelo qual Nelsinho trabalhou no Brasil. Ele ainda acumula passagens por Corinthians, Ponte Preta, Santos, Flamengo, São Paulo, Cruzeiro, Palmeiras, Internacional e Atlético-PR, entre outros. Além dos times japoneses, também passou pelo Chile, onde comandou o Colo-Colo, e pela Colômbia, onde foi técnico do Sporting de Barranquilla.

No Sport, Nelsinho Baptista reencontra três velhos conhecidos com quem trabalhou em sua primeira passagem: o goleiro Magrão, o zagueiro Durval (que ainda define sua renovação de contrato) e o auxiliar técnico Daniel Paulista - que na época ainda era jogador.

Conta com Diego Souza

Questionado sobre a situação de Diego Souza, que ainda não definiu se permanecerá no Sport na próxima temporada, Nelsinho Baptista fez elogios ao meia e disse contar com ele para 2018.

"Até segunda ordem, conto com todos, lógico. Estou chegando hoje, amanhã vamos ter uma reunião. Temos quatro competições no ano. Aqueles jogadores que têm qualidade técnica, que podem jogar, nós vamos contar. Diego Souza é um jogador acima da média e qualquer treinador gostaria de contar", disse.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos