Primeira reunião por Jucilei tem calma e avanço do São Paulo

Bruno Grossi e José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo (SP)

  • Mauro Horita/Estadão Conteúdo

    Jucilei disputou 49 partidas com a camisa do São Paulo nesta temporada

    Jucilei disputou 49 partidas com a camisa do São Paulo nesta temporada

Estão abertas as negociações entre o São Paulo e Jucilei, representado pelo empresário Nick Arcuri. As partes se reuniram pela primeira vez nesta quarta-feira após o agente chegar ao Brasil na terça e os chineses do Shandong Luneng darem aval para a compra do Tricolor por 1 milhão de euros (cerca de R$ 3,9 milhões). O saldo do encontro foi considerado positivo, com os dois lados admitindo avanços. Mas o discurso ainda é de paciência.

Jucilei está disposto a ficar no clube do Morumbi, até pelo tempo que já passou longe da família enquanto buscava estabilidade financeira. Para isso, precisa de adequar à realidade financeira do São Paulo. A primeira reunião serviu para apresentar até onde o Tricolor pode chegar e o quanto o volante admite reduzir seus salários nesse novo contrato - o de empréstimo termina em 31 de dezembro e está abaixo do teto de R$ 500 mil.

Segundo a reportagem do UOL Esporte apurou, Arcuri considerou que as conversas caminharam bem. A ideia do agente é criar um "Projeto Jucilei", em que cada lado da história faça esforços e possa sair ganhando. Esse projeto envolve uma composição de salário, luvas pelo novo contrato e bônus que seriam ativados por metas.

O São Paulo prega cautela. Por ser um reforço oriundo da China e até pela importância no elenco, Jucilei é considerado um jogador caro e que exige cuidado na hora de formular uma proposta que não prejudique os cofres do clube. Na próxima semana, por exemplo, haverá definição sobre o orçamento para contratações em 2018 e isso indicará o quando o Tricolor poderá forçar para fechar com o volante. Apesar de todos esses poréns, o clima é de otimismo.

Jucilei disputou 49 partidas nesta temporada, atrás apenas de Rodrigo Caio, com 54 aparições. Em minutos, o volante fica na terceira colocação: 3.760, contra 4.684 de Rodrigo e 4.178 de Lucas Pratto, que jogou 48 vezes. O camisa 25 ainda fez um gol e deu uma assistência.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos