Atlético-MG tem trunfo para renovar com Robinho, mas conversa está parada

Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Thiago Ribeiro/AGIF

    Atlético-MG oferece contrato de dois anos como diferencial para renovar com Robinho

    Atlético-MG oferece contrato de dois anos como diferencial para renovar com Robinho

Até o dia 31 deste mês, Robinho segue como jogador do Atlético-MG. É também o prazo que o clube mineiro tem preferência para renovar o vínculo com o atleta de 33 anos. Após apresentar uma primeira proposta para estender a permanência do jogador na Cidade do Galo, a resposta foi negativa. No entanto, o Atlético conta com um trunfo para segurar Robinho em Belo Horizonte.

Embora as conversas estejam paradas, como revelou Alexandre Gallo, diretor de futebol do Atlético, o clube mineiro tem no tempo de contrato um diferencial para ganhar a disputa por Robinho. Perto de completar 34 anos, o atacante tem uma proposta de renovar por duas temporadas com o Galo, portanto, até o fim de 2019.

"A ideia foi dar maior tranquilidade possível para ele. Entendo que um atleta com essa faixa etária, mas ainda entregando um bom futebol, como ele faz, quer é paz e tranquilidade para trabalhar. Foi isso inicialmente que eu pensei. Dar os 24 meses, numa cidade que ele gosta muito e já está adaptado. A conversa foi muito saudável com a representante dele, lá em São Paulo. Ela aceitou e entendeu o projeto que temos para o Robinho, que não é utilizá-lo apenas em 2018, mas um projeto para a vida dele, com mais dois anos em Belo Horizonte", revelou Alexandre Gallo, que assumiu a negociação na última semana.

"Nós tivemos um contrato com a sua representante e houve uma negativa no primeiro momento. Fizemos uma proposta, dentro da nossa realidade e nós entendemos que é muito boa. A negociação estancou inicialmente por conta de uma negativa do Robinho", informou o dirigente atleticano.

Se por um lado o Atlético aposta no contrato de duas temporadas para manter Robinho, por outro o clube não está disposto a pagar nem perto do que o atacante recebeu nos dois primeiros anos na Cidade do Galo. "Mostrei para eles o nosso momento, qual é a necessidade que a gente tem e a vontade que temos de contar com o atleta. Mas essa definição fica para o atleta e para a representante dele, que é a Marisa. Vamos ter algumas conversas ainda, trocamos mensagens e a gente ainda está num momento de avaliação", completou Gallo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos