Barcelona descarta recepção com aplausos ao Real por título mundial

Do UOL, em São Paulo

  • AP Photo/Hassan Ammar

O diretor institucional do Barcelona, Guillermo Amor, descartou a possibilidade de o Barcelona fazer um corredor e aplaudir a entrada do Real Madrid em campo no clássico do próximo sábado, no Estádio Santiago Bernabéu, pelo Campeonato Espanhol.

O "pasillo", como é conhecido na Espanha, é feito com certa frequência por equipes do país como forma de homenagem a rivais em confrontos posteriores a um título conquistado. Porém, de acordo com o Amor, a conquista do Mundial de Clubes pelo time merengue não se encaixa na política do Barcelona para homenagear rivais.

"Neste clube o corredor geralmente é feito quando participamos do torneio do campeão. E agora não é o caso", disse Amor após a vitória do Barcelona por 4 a 0 sobre o Deportivo La Coruña, no último domingo.

Neste ano, o Barcelona já teve a oportunidade de fazer o "pasillo" quando enfrentou o Real Madrid pela Supercopa da Espanha logo após o rival vencer a Supercopa da Europa. Mas, seguindo a política, não rendeu a homenagem.

Em 2008, entrou para a história a recepção com aplausos do Barcelona ao Real Madrid, que havia conquistado o Campeonato Espanhol no jogo anterior.    

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos