Homem é detido por chutar as pernas e por insulto racista a Sterling

Do UOL, em São Paulo

  • Reuters/Jason Cairnduff

    Sterling, atacante do Manchester City, sofreu agressão racial no último sábado (16)

    Sterling, atacante do Manchester City, sofreu agressão racial no último sábado (16)

As autoridades de Manchester detiveram um homem que chutou as pernas de Raheem Sterling, do City, e ainda proferiu insultos racistas ao atleta. O homem de 29 anos de idade foi preso na última terça-feira (19).

"Uma investigação foi aberta e o um homem foi preso no início da manhã de terça-feira, sob suspeita de grave agressão racial. Ele está, agora, sob custódia policial para ser interrogado. Isso está sendo tratado como um crime de ódio", declarou a polícia de Manchester.

O inspetor-chefe, Paul Walker, disse que o "racismo não é tolerado em Manchester e não há espaço em uma sociedade civilizada".

Atacante do Manchester City, o inglês Raheem Sterling foi agredido e sofreu injúria racial horas antes de ser decisivo na partida do último sábado (16) contra o Tottenham, em que marcou dois gols na vitória por 4 a 0, no Etihad Stadium, pelo Campeonato Inglês.

O incidente aconteceu pela manhã, na chegada de Sterling ao campo de aquecimento do estádio do City. Um homem não identificado se aproximou e se referiu ao jogador com uma gíria considerada ofensiva a pessoas da raça negra. Ao sair do carro para tirar satisfações, o agressor desferiu um chute na perna do atacante.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos