Gerente de futebol deixa o Vasco e acerta retorno ao Botafogo

Bernardo Gentile e Bruno Braz

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Paulo Fernandes / Flickr do Vasco

    Gerente de futebol Anderson Barros deixa o Vasco e retorna ao Botafogo

    Gerente de futebol Anderson Barros deixa o Vasco e retorna ao Botafogo

O gerente de futebol Anderson Barros aceitou a proposta do Botafogo e deixou o Vasco, clube onde trabalhou na última temporada. O dirigente se desligou do Cruzmaltino após ter uma reunião com o presidente vascaíno Eurico Miranda nesta sexta-feira em São Januário. Barros já havia trabalhado no Alvinegro entre 2009 e 2012 e chega para substituir Antônio Lopes no cargo.

Além da oferta ter agradado ao cartola, também pesou em sua escolha a indefinição política do Vasco, que ainda não sabe quem será seu próximo presidente. A situação não dava garantia alguma a Barros, já que se o candidato de oposição Julio Brant assumir, dificilmente ele se manteria no cargo.

Em nota, o presidente do Vasco, Eurico Miranda, confirmou a saída do dirigente e agradeceu pelos serviços prestados: "Fui procurado hoje por Anderson Barros, solicitando que o liberasse de seu compromisso com o Vasco. Diante disto e compreendendo a solicitação, o Anderson Barros está, a partir de hoje, liberado para prosseguir seu caminho. Quero registrar aqui os agradecimentos pessoais e do Clube aos relevantes serviços profissionais prestados".

O gerente de futebol terá a responsabilidade de montar o elenco do Botafogo para 2018. Até o momento, o clube ainda não realizou nenhuma contratação e pode ter algumas perdas importantes.

Em seus últimos passos no Vasco, acertou as contratações do atacante Rildo (Coritiba) e do volante argentino Leandro Desábato (Vélez Sarsfield-ARG). Também renovou o contrato do atacante Kelvin e deixou muito bem encaminhadas as permanências do zagueiro Breno e do volante Wellington.

Euriquinho solitário

A saída de Anderson Barros do Vasco deixa o vice de futebol, Eurico Brandão, o Euriquinho, sozinho para dar prosseguimento à montagem do elenco cruzmaltino. O filho do presidente Eurico Miranda já conduzia as negociações em parceria com o gerente.

Caso Julio Brant assuma a presidência do Vasco, uma grande reformulação no departamento de futebol acontecerá e a tendência é a de que os ídolos Felipe e Pedrinho trabalhem no setor.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos