Cristiano Ronaldo publica foto com bebês e ironiza notícia sobre prisão

Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução/Instagram

    Cristiano Ronaldo publica no Instagram foto junto de três de seus filhos

    Cristiano Ronaldo publica no Instagram foto junto de três de seus filhos

No dia em que o noticiário ligando Cristiano Ronaldo a problemas com a Receita da Espanha voltaram à tona, com uma suposta recomendação de prisão à estrela do Real Madrid, o jogador usou seu poder nas redes sociais para aparentemente ironizar a questão. Ao lado de seus três filhos menores, o melhor jogador de 2017 deixou no ar uma crítica ao tratamento público conferido ao episódio.

Estou PRESO a estes bebês lindos ahahahah"
Cristiano Ronaldo, em mensagem junto à foto que publicou no Instagram

Nesta terça-feira, o jornal "El Mundo" revelou o teor de um ofício assinado por Caridad Gómez Mourelo, chefe do departamento de Delito Fiscal da Fazenda espanhola, com uma recomendação ao juiz de primeira instância que cuida do caso que analise a prisão de Cristiano Ronaldo. De acordo com a diretora, o jogador deixou de pagar cerca 14,7 milhões de euros em impostos.

"Sinceramente, temos pessoas em prisões por haver deixado de pagar 125 mil euros", destacou Gómez Mourelo em seu ofício à Justiça, datado de 7 de dezembro.

O mesmo documento assegura que Cristiano Ronaldo contou com "laranjas" e esquemas em paraísos fiscais para evitar a tributação de seus ganhos por direitos de imagem. Grande parte da operação envolvia contas nas Ilhas Virgens Britânicas. 

A investigação aponta que o esquema para receber direitos de imagem foi montado quando o atacante defendia o Manchester United, na Inglaterra, mas foi mantido a partir de 2009, quando o português passou a defender o Real Madrid.

"Se você vir para a Espanha, o seu problema é que, se você já usou uma empresa nas Ilhas Virgens Britânicas porque estava no Reino Unido e existia uma conexão, essa conexão precisa parar de existir", manifestou a diretora da Receita espanhola.

Em 2014, Cristiano Ronaldo efetuou uma regularização espontânea de sua operação financeira, em movimento usado pela defesa do jogador para argumentar que o investigado jamais teve a intenção de evadir impostos.

Mesmo assim, a investigação espanhola indica que as provas de delito anterior a essa data são contundentes e que o esquema nas Ilhas Virgens Britânicas jamais foi desmantelado por completo.

Em julho deste ano Cristiano Ronaldo prestou depoimento à Justiça espanhola, em sessão tensa, em que o jogador várias vezes demonstrou irritação com a insistência de perguntas sobre sua rotina financeira. Na ocasião, o português defendeu seu agente, o compatriota Jorge Mendes, e chegou a desabafar diante do juiz: "Isso é ridículo".

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos