Diego Costa reestreia pelo Atlético de Madri e leva 4 minutos para marcar

Do UOL, em São Paulo

Após um hiato de um semestre sem jogar partidas oficiais de futebol, Diego Costa voltou com tudo ao Atlético de Madri. O brasileiro naturalizado espanhol entrou no segundo tempo da partida de ida das oitavas de final da Copa do Rei desta quarta-feira (3), contra o Lleida, e balançou as redes quatro minutos após entrar em campo. O gol dele foi o terceiro da goleada por 4 a 0 para a equipe da capital.

O centroavante, contratado no meio de 2017 do Chelsea, foi colocado em campo por Diego Simeone aos 20 minutos do segundo tempo da partida no lugar de Correa. Quatro minutos depois, o atacante marcou seu gol ao completar um cruzamento rasteiro de Juanfran para as redes adversárias.

Na sequência, no entanto, um susto. O atacante sentiu dores no joelho e deixou o campo para ser atendido, mas voltou a jogar logo depois. Ele sentia uma pancada sofrida no lance do gol, que deixou uma ferida em sua perna.

O gol de Diego Costa foi o terceiro do Atlético de Madri, que havia aberto o placar com Godín e ampliado com Fernando Torres, ambos gols no primeiro tempo. Griezmann fechou o placar nos acréscimos com um gol de falta.

A demora para a estreia tem como justificativa uma punição da Fifa ao Atlético de Madri, que estava proibido de realizar contratações até o início de 2018. Por esse motivo, Diego Costa foi apresentado no clube somente no último dia 31, mais de três meses após sua transferência do Chelsea ter sido confirmada.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos